Tudo junto e misturado

O clima já é de carnaval em todo canto que se chega. E o carnaval do Recife tem uma característica diferente dos de outras cidades. É diverso demais, ostenta manifestações que só existem em Pernambuco e, além de tudo, muito democrático. Não é preciso gastar muito dinheiro, comprar abadá nem ficar em cordão de isolamento para se brincar. É só ir atrás de troça, clube de frevo, bloco, maracatu, afoxé, ou do que passar. Nessa época, há as prévias de clube ou de rua.

Hoje, por exemplo, o Paraquedista Real faz prévia no Clube Alemão, no Parnamirim.  O bloco,  – que tem a proposta de reviver os velhos carnavais – faz acerto de marcha, com entrada a R$ 20 (mas sócios não pagam). E no dia 22, faz festão, ao ar livre ( de graça), no bairro do Poço da Panela, como acontece todos os anos. É bom a Prefeitura ficar de olho, porque no ano passado, ninguém conseguia se divertir no meio das ruas dali, totalmente obstruídas por ambulantes. As barracas de batata frita colocavam suas panelas quentes ao lado dos foliões, e houve até um acidente, com queimaduras sérias. Mesma recomendação vale para o desfile de Os Barbas, no próximo sábado, que engrossa a cada ano.  Para se contrapor, no mesmo bairro vai ter Mulher de Bigode, no mesmo dia. Na quinta (16), também, tem encontro da Agremiação Carnavalesca de Salão O Piano, que se reúne na Fazendinha, na Rua das Graças,

Nas ruas, Encontro de Baques de Caboclinhos. Será no Pátio de São Pedro, a partir das 19h, e quem quiser, pode cair no ritmo. É uma espécie de ensaio dos grupos musicais que animam esse folguedo.  Os ternos, como são chamados, usam, entre outros instrumentos, os caracaxás, surdo, flautas (de taquara). Os músicos de pelo menos sete “tribos” se apresentam hoje. Bom para ir treinando a coreografia dos caboclinhos, que não é tão simples. É de graça.   Sim, gente, sábado tem também O Grito da Véia é no próximo sábado, 18. A concentração é de tarde, na Rua Velha, 252, onde fica a sede da Civitate. Vamos lá? As camisetas custam R$ 30. E amanhã, quinta, a festa vai ser no andar térreo da Prefeitura, onde servidores caem no frevo a partir das 13h, com o Bloco Tudo Junto e Misturado. Vai ter Almir Rouche e Orquestra Fascinação. E concurso de fantasia reciclada, com direito a final de semana em resort de Porto de Galinhas, para o primeiro colocado.

Texto: Letícia Lins / #OxeRecife

Foto: André Nery / Divulgação / Prefeitura

Continue lendo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.