Ponte do Limoeiro não vais mais mudar

Vivaaaaaaaaaaaaaaaaa! Lembram de que tinha muita gente triste com as obras de requalificação da Ponte do Limoeiro? É que o seu fotogênico guarda-corpo (foto acima) vinha sendo substituído por um outro, de concreto. Bem mais feio, bem mais comum. Das pontes do centro, que vêm passando por reforma, a dela seria a de mudança mais radical. E, pior, sem o charme do padrão anterior, implantado no século passado. E que faz a festa de muitos fotógrafos, sejam profissionais ou amadores. Pelo noticiário sobre as reformas nas pontes do Centro, a do Limoeiro ganharia novas cores, em tons “laranja e fambroesa” e também “parapeito de concreto no lugar do de metal”. Felizmente a Prefeitura voltou atrás. “O padrão atual vai ser mantido”.

As reclamações eram muitas, inclusive partindo aqui do #OxeRecife. Pois ninguém queria desfigurar a ponte que, na verdade, a Ponte do Limoeiro é bem antiga. E tem história. É que ela foi originalmente implantada ainda no século 19 (1881) e ganhou aquele nome porque fazia parte da linha ferroviária Norte da Great Western.  De origem inglesa,  a empresa operava o transporte de trens no estado.  Na cabeceira  da ponte, pegava-se o comboio para Limoeiro, município localizado a 77 quilômetros do Recife. Então, a ponte virou a “do Limoeiro”, denominação que vigora até os dias atuais.  (Ainda bem que, parodiando Manuel Bandeira, não virou ” Dr. Fulano de Tal” ).  Com a desativação dos trens, a ponte foi mudando, também, de finalidade, sendo reinaugurada em 1966, para  servir apenas ao transporte rodoviário, quando nossas linhas férreas começaram a ser sucateadas.

Por pouco, a Ponte do Limoeiro não fica assim, com guarda peito de concreto substituindo o modelo anterior, mais charmoso.

(É que na ditadura militar, implantada em 1964, os generais e ministros de plantão achavam que desenvolvimento era rodovia, e  passaram a dar prioridade aos caminhos de asfalto, deixando de lado as linhas férreas, e transformando o Brasil em refém do transporte rodoviário ).

As muretas de concreto da Ponte do Limoeiro já foram retiradas e “o padrão anterior será mantido”, segundo a Emlurb.

Voltando a 2022. Hoje a Autarquia de Manutenção e Limpeza Urbana do Recife (Emlurb) confirmou que  o padrão anterior vai ser mantido. Embora tenha sido noticiado no Recife que a mureta seria trocada por de cimento, a Emlurb informou que esta era “provisória” por questão de segurança. Ou seja, para evitar acidentes, já que os tapumes das obras vinham sendo “retirados, quebrados, furtados”. Vejam a nota da Emlurb:

” A Emlurb esclarece que os serviços de requalificação da Ponte do Limoeiro encontram-se em andamento, mantendo o padrão existente. Será realizada a substituição de tubos e chapas danificadas, que compõem o guarda corpo e a ponte receberá uma nova cor em concordância com as demais pontes do centro.

Boa notícia. Ainda bem que prevaleceu o bom senso. Segundo ainda a Emlurb, “as melhorias na Ponte do Limoeiro fazem parte de um conjunto de intervenções para requalificação das pontes da cidade, incluindo a pintura, a grafia, os beirais entre outros reparos”.  De acordo com a Prefeitura, o investimento de R$ 950 mil e contempla, também,  as pontes Buarque de Macedo, Maurício de Nassau, Ponte Velha, da Boa Vista (que está bem vistosa), Duarte Coelho, Princesa Isabel e do Limoeiro.

Agora é torcer para que a Ponte Velha, que também sofreu perdas com a reforma, ganhe de volta os 22 suportes com lampiões coloniais que foram retirados. Vamos pressionar?

Abaixo, você lê outras informações sobre as pontes do Recife, que formam uma das marcas registradas de nossa bela cidade.

Leia também 
Ponte do Limoeiro sofre mudança de gosto duvidoso
Ponte da Boa Vista interditada: choque?
Lampiões surrupiados na Ponte Velha
Cadê os lampiões da Ponte Velha? Eram quatro em cada poste, mas sumiram
Acabou o mistério do sumiço das luminárias coloniais da Ponte Velha
Ponte Velha: caso do sumiço das luminárias já está na Ouvidoria
Pilhagem mal explicada na Ponte Velha
Sessão Recife Nostalgia: Ponte Giratória
Ponte Giratória que não gira
Ponte da Boa Vista tem trechos no breu
Ponte da Boa Vista pede socorro
Três pontes em obras. E a da Boa Vista?
Ponte da Boa Vista ganha reparos
Ponte da Boa Vista ganha abraço
Ponte da Boa Vista: Efetuada reposição do material roubado
Ponte que “enterrou” R$ 16 milhões (sem levar a lugar nenhum) é retomada
Ponte Duarte Coelho sofre atentado estético
Pontes pintadas de branco despertam preocupação
Ilumina Recife sacrifica luminárias tradicionais
Colorido degradê na Ponte do Pina
Vamos salvar o centro do Recife?
Vandalismo: prejuízo de R$ 2 milhões
Pontes restauradas e Giratória que não gira
Pontes passam por restauração 
Pontes ainda vão esperar por reparos
Recife: pontes e “fontes de miséria” 
Recife com Nassau, pontes e jornal 
Ponte restaurada e giratória que não gira 
MeninXs na Rua foram pelo Rio
Colorido degradê na Ponte do Pina
Atenção, Grupo Tortura Nunca mais: sumiu placa em homenagem a Cândido Pinto
Placa em homenagem a vítima da ditadura volta à Ponte da Torre
Vamos salvar o centro do Recife?
Atentado estético no Cais da Jaqueira

Texto: Letícia Lins / #OxeRecife
Fotos: Acervo #OxeRecife e Genival Paparazzi / Cortesia

Continue lendo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.