O pagode depois do forró

Passada a temporada de festas juninas – como forró, baião, quadrilhas – tem gente que agora vai cair é no pagode. Pelo menos, essa é a proposta do Manhattan Café Theatro, que na noite dessa sexta-feira leva ao seu palco o Projeto Pagunça Retrô, a partir das 21h. O grupo fez muito sucesso na década de 1990.

Além de canções autorais, o show conta, ainda, com músicas das bandas Raça Negra, Só Pra Contrariar, Exaltassamba, Molejo, É o Tchan e Razão Brasileira, grupos que marcaram uma época. “Nesses 22 anos, o grupo nunca deixou de existir, mas como cada um seguiu um caminho profissional, as apresentações tornaram-se menos frequentes”, diz Guga Fraga, vocalista do Pagunça.

“Encontramos nesse projeto uma forma de reunir a galera para fazer o que mais gostamos: cantar pagode”, acrescenta. O Pagunça foi fundado em 1995. Além do vocalista Guga, conta com Paulinho (voz e violão), Cadu (cavaquinho) e Rani (pandeiro). A formação ainda é a original. No repertório, não faltarão  grandes sucessos do grupo.

Entre estes, encontram-se: Me Liga, Vem Pagunçar, Anúncio de Amor e Não é Ilusão. O Manhattan Café Theatro reúne em um mesmo ambiente, música e gastronomia de qualidade. As atrações são variadas, com programação eclética, que inclui o brega (como Fernando Mendes), o pagode, ou mesmo a música da Jovem Guarda. O O Manhattan Café Teatro fica na Rua Francisco da Cunha, 881, Boa Viagem.  O couvert artístico custa R$ 50. 

SERVIÇO
Pagunça Retrô no Manhattan
Onde:
 Manhattan Café Theatro (Rua Francisco da Cunha, 881, Boa Viagem)
Quando:  Sexta (30 de julho)
Horário: 21h
Couvert: R$ 50
Informações e reservas: 3325.3372 (www.manhattancafetheatro.com.br)

Texto: Letícia Lins / #OxeRecife
Foto: Divulgação

Continue lendo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.