Lula Queiroga apresenta “Capibaribum” na Caixa Cultural Recife: “mergulho no rio ancestral”

 Lula Queiroga apresenta “Capibaribum” na Caixa Cultural Recife: “mergulho no rio ancestral”

Compartilhe nas redes sociais…

Figura engraçadíssima e muito querida, principalmente no meio artístico – com composições gravadas por grandes nomes da MPB – o compositor, cantor e produtor Lula Queiroga ocupa o palco da Caixa Cultural Recife nos dias 4, 5 e 6 de abril, às 20h, com o show Capibaribum, quando antecipa as composições seu novo e sexto álbum solo.

Lula Queiroga tem composições gravadas por artistas como Maria Bethânia, Lenine, Maria Rita, Milton Nascimento, Mart’nália, Teresa Cristina, Paralamas, Ney Matogrosso, Geraldo Azevedo, Elba Ramalho, Roberta Sá, Mônica Salmaso entre outros. Também já fez trilhas para o cinema nacional e internacional, além de receber prêmios como o APCA (melhor compositor do ano 2001) e Prêmio Sharp. Teve ainda indicações para o Prêmio da Música Brasileira de melhor disco do ano, além do Grammy Latino, em 2008.

O Rio Capibaribe inspira o álbum “Capinaribum” de Lula Queiroga: show na Caixa Cultural Recife.

O repertório do show será composto por faixas do novo projeto. Entre elas: “A Curva da Luz”, “Passagem Secreta” e “Cerca Viva”. Mas ele revisita, também, sucessos de discos anteriores, tais como “Noite Severina” (parceria com Pedro Luís), “Se não for amor eu cegue” (parceria com Lenine). E ainda, “Ah, se vou”.

No palco, Lula será acompanhado de banda formada por Iury Queiroga (violão e guitarra), Luck Luciano (baixo), Daniel Vasconcelos (guitarra), Peu Lima (bateria) e Guilherme Queiroga (efeitos e vozes) .A sessão do dia 05 de abril na CAIXA Cultural contará com acessibilidade em Libras para pessoas com deficiência auditiva e terá um bate-papo com o artista logo após o show.

“Esse novo trabalho Capibaribum é um mergulho no rio ancestral, no rio mitológico que desenha na minha cidade seu trajeto sinuoso. É um álbum híbrido, cheio de riquezas rítmicas onde a água, a gravidade, o amor e o tempo são temas que se entrelaçam em suas canções. Canções diversas que compõem o DNA do disco como um todo”, explica Lula Queiroga. Confira “Ah, se vou”.

Leia também
Cantautor no Teatro Santa Isabel com o show “Linhagens – Zeh Rocha 50 anos”
Zeh Rocha é homenageado na próxima edição do Sarau Boa Vista, no Largo de Santa Cruz
Casa de Dulcineia tem encontro “Vem cantar” com microfone aberto e Zeh Rocha como convidado
Pabllo Moreno faz show gratuito no Teatro do Parque
Conheça a cantora Dora Martins, 17 anos que lança seu primeiro álbum
Pabllo Moreno e a Gestação da Terra
Pabllo Moreno, do baião ao blues
oite promete: Cantores Almério e Martins no Teatro Guararapes
Martins brilha no rio sob o sol
Almério, Claudionor, Nonô, Nena Queiroga e Caboclinhos
Almério desempenha na Bahia
Desempenha, Almério, você vai longe
Almério e Silvério no Marco Zero
Almério é um absurdo
Música: Martins brilha no rio sob o sol
Arthur Philipe trocou a carreira camerística pela música popular
Geraldo Maia no Teatro do Parque
O Pirata José, de Bia e Alceu
Cesta de música: MPB,blacke lgbtqi+
Auto da Compadecida vira ópera
Música no Palácio atrai bikes e andantes
Maestro Spok é homenageado
Pernambucano divide palco com tabla de ZakirHuassain em Los Angeles
Diva Menner no Baião de Dois
Blues Jeans: Negro em cada canto mostra presença afro nas Américas
Capiba, gênio da música, ganha espetáculo em oito ritmos
Pátio de São Pedro: Dia de sextar com Josildo Sá
Forrozeiro bom e no samba de latada, Josildo Sá levanta a poeira no Tacaruna
Josildo Sá canta em todos os ritmos
Josildo Sá e Silvério Pessoa, o encontro do carnavial com a caatinga
Geraldo Maia canta Chico Buarque no Poço das Artes
Geraldo Maia canta e encanta no Poço das Artes
Geraldo Maia comemora aniversário : Pavão Misterioso e Lamento sertanejo
Poço das Artes: Geraldo Maia canta o Nordeste e Portugal
Os 60 anos de Geraldo Maia no Poço da Panela: “A minha história sou eu”
Geraldo Maia: voz e violão no Poço
Poço das Artes: NoelRosa por Walmir Chagas esgota reservas e tem sessão extra no domingo
Geraldo Maia canta e encanta
“Tapioca com Shark” no Poço das Artes
Poço das Artes: jazz, mpb, música portuguesa
Orquestra Pernambucana de Clarinetes anima Poço
Blues no Poço da Panela
Contracantos e contraventos no Poço
Chorinho e jazz “nordestino” no Poço
Maísa e dois rodrigos: álgebra musical
Alceu Valença com sabor de vinho: La Belle  de Jour
Biografia de Alceu Valença mostra 50 anos de estrada 
Valencianas: Ingressos esgotados

Serviço:
O quê: Lula Queiroga apresenta “Capibaribum”
Local: CAIXA Cultural Recife – Av. Alfredo Lisboa, nº 505, Bairro do Recife
Datas: 04, 05 e 06 de abril de 2024 (quinta, sexta e sábado)
Horários: às 20h
Ingressos: R$ 30 e R$ 15 (meia-entrada para clientes CAIXA e demais casos previstos em lei). Vendas a partir do dia 01 de abril (segunda-feira), às 12h, no site da CAIXA Cultural
Informações: (81) 3425-1915| CAIXA Cultural
Classificação indicativa: Livre
Acesso para pessoas com deficiência
Patrocínio: CAIXA e Governo Federal

Texto:Letícia Lins / #OxeRecife
Foto: Sidarta / Divulgação

Posts Relacionados

1 Comments

  • Ótima de dica de programação para essa semana Letícia!! O Lula Queiroga é um baita compositor e tenho certeza que quem for não vai se arrepender! Valeu!!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.