Carnaval de Olinda atraiu 4 milhões de foliões e fez girar R$ 400 milhões

 Carnaval de Olinda atraiu 4 milhões de foliões e fez girar R$ 400 milhões

Compartilhe nas redes sociais…

Carnaval é diversão, é cultura, é festa. Mas é também renda para muita gente. O internacionalmente famoso de Olinda, por exemplo, ocupou 99 por cento dos leitos da rede hoteleira, atraiu 4 milhões de foliões e ainda fez circular R$ 400 milhões na cidade. A folia gerou, ainda, cerca de 35 mil empregos.

Os números foram divulgados hoje pela Prefeitura de Olinda, segundo a qual 1.500 agremiações circularam pelas ladeiras da cidade histórica pelas quais passaram, também, 485 orquestras. Cinco destas ficaram em pontos fixos, para manter as ruas animadas. De acordo com a Prefeitura, a oferta de leitos aumentou dez por cento em relação a 2023, mas mesmo o percentual de ocupação hoteleira superou a de 2023.

O Prefeito, Professor Lupércio, informou que os números da festa superaram as expectativas oficiais. De acordo com pesquisa efetuada em Olinda, 76 por cento dos foliões eram pernambucanos; 21 por cento vieram de outros estados; e a parte restante era formada de estrangeiros. A folia gerou mais de 477 toneladas de lixo, o que significou renda extra de até R$ 2 mil para pessoas que vivem de catar materiais recicláveis.

Ainda de acordo com o levantamento, o transporte mais utilizado para se deslocar até Olinda foi o ônibus (22 por cento dos foliões ouvidos). Depois vieram: aplicativos  (21  por cento), carro particular (19 por cento), moto (16 por cento), táxi (15 por cento). O restante (1 por cento) foi a pé mesmo. A folia foi tão grande que os objetos perdidos também foram muitos: de celular a RG e cartão de crédito. Nada menos de 700 encontram-se em poder da Secretaria de Segurança Cidadã de Olinda, que fica à Rua Santos Dumont, 177, Varadouro. Para não perder a viagem, a checagem pode ser feita com antecedência nos telefones (81) 34292947 , 34299768. Ou ainda via ZAP (81) 989790054.

Números divulgados hoje pela Secretaria de Defesa Social mostram que nem tudo foi frevo e maracatu no carnaval de Pernambuco. No período de festa foram registrados 68 assassinatos, 52 tentativas de homicídio, doze estupros, 677 violências contra a mulher. E ainda, 550 roubos e 1.945 furtos nos focos de folia. O assassinato de maior repercussão foi o do engenheiro Thalles de Couto Lemgruber Kropf, que levou uma facada quando ia se encontrar com amigos na Avenida Domingos Ferreira, em Boa Viagem. Ele veio se divertir no carnaval do Recife e Olinda. O caso está sendo investigado como latrocínio pela polícia, já que o celular do turista foi levado. Não é de hoje, que a comunidade da Zona Sul se queixa da onda de assaltos em bairro como Pina e Boa Viagem. Aliás, em termos comparativos, segundo a SDS, a violência caiu no carnaval, em relação a 2023. Porém os números são muito altos. Afinal, foram 68 vidas perdidas em cinco dias de festa.

Leia também
O “Zoológico” de Vitória de Santo Antão
Não houve estardalhaço midiático do Recife, mas “nevou” em Vitória de Santo Antão
Carnaval do Recife caiu no gosto nacional
Arrastão do frevo dá adeus ao carnaval
Mracatus rurais (ou de baque solto) fazem a festa no Marco Zero nessa terça-feira
A longa trajetória dos bois que surgiram no Natal e hoje animam o carnaval
Segunda-feira de blocos líricos e de maracatus na Noite dos Tambores Silenciosos
Carnaval de Pernambuco: Caleidoscópico e multicultural
Raquel Lyra prestigia folia dos papangus
Redivivo, Chico Science ocupa o palco do Marco Zero com recursos da Inteligência 
Carnaval está apenas começando 
Estacionamentos da Prefeitura, TRF e TRT estarão à disposição do folião
Alegoria gigante do Galo é aplaudida por milhares e balsa é novidade
Olha! Recife tem edição especial de carnaval Balsa Frevo D’ Água em clima de folia
Alegoria do Galo está linda, imponente e politicamente correta. Mas o entorno…
“Poleiro” da alegoria gigante do Galo, Ponte Duarte Coelho perde cobre para vândalos
Corrida do Galo atrai 2 mil atletas
Alegoria gigante: Galo da Paz, cheio de mensagens e significados
Começam inscrições para acesso ao camarote do Galo de pessoas com deficiência
Vistoria no percurso do Galo da Madrugada vê riscos no descalabro da fiação aérea no centro
Depois do Galo Ancestral, que tal Leopoldo Nóbrega para idealizar os carros alegóricos do bloco?
Qual o Galo mais bonito e o mais feio?
Alegoria do Galo e sustentabilidade
Galo tem 14 filhos no Brasil e no exterior
O Galo e suas alegorias
Carnaval do Recife: Grande festa,falta de transparência e os números duvidosos do Galo
Antônio Nóbrega é homenageado pela Escola de Samba Porto da Pedra na Sapucaí
Lia, a Rainha da Ciranda, será homenageada em duas escolas de samba em 2024, no RJ e em SP
Carnaval 2024 no Recife  terá dois grandes homenageados: Lia da Ciranda e Chico Science
Dançarino, Rei Momo já tentara o título seis vezes
Fim de semana tem Amantes de Glória e Aurora dos Carnavais
Alegoria gigante: Galo da paz, cheio de mensagens e significados
Vistoria no percurso do Galo da Madrugada vê riscos no descalabro da fiação aérea no centro
Claudionor Germano, 90 carnavais. Espetáculo homenageia cantor de frevos
Concurso de passistas no Pátio de São Pedro
Caboclinhos e índios no Pátio de São Pedro
Vejam quem são os melhores abre-alas da folia
De olho no carnaval, Terça Negra começa série de edições especiais no Pátio de São Pedro
Pátio de São Pedro sai do marasmo e tem encontro de blocos
Olha! Recife programa doze passeios sobre carnaval
Blocos líricos movimentam o Pátio de São Pedro. No Pina, encontro de maracatus
João Campos e Raquel Lyra fazem reunião sobre segurança no carnaval. Mas…
Carnaval com mais um dia tem inédito “Tambores pela Paz”
Veja quem são os finalistas do concurso para Rei Momo e Rainha do Carnaval 2024
Olha! Recife em ritmo de carnaval e inclui aula de frevo com os Guerreiros do Passo
Aplausos para a cirandeira Lia de Itamaracá e as quatro homenagens no carnaval do Brasil
Vistoria no percurso do Galo da Madrugada vê riscos no descalabro da fiação aérea
Carnaval 2024 do Recife terá mais um dia e 3 mil atrações, 200 a mais do que no ano passado
Aplausos para a Cirandeira Lia de Itamaracá e as quatro homenagens no carnaval do Brasil
Camarote inclusivo no desfile do Galo da Madrugada

Texto: Letícia Lins / #OxeRecife
Foto: Fernando Batista / Cortesia

Posts Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.