Poço das Artes tem “Chorinho da Roça” e “Desdobrado Trio”

Depois flexibilização das restrições que foram impostas pela pandemia, o Poço das Artes já está de vento em popa com sua programação cultural. Neste final de semana, tem mais, com atrações musicais na sexta (8/10) e no domingo (10/10). Hoje à noite, é a vez do Trio Chorinho na Roça, já conhecido dos frequentadores da casa no Poço da Panela. No domingo, tem Desdobrado Trio.

O Trio Chorinho na Roça já se apresentou anteriormente no Poço das Artes, levando seu som gostoso para aqueles que apreciam a música de boa qualidade. E é formado por Artur Ortenblad (oboé), Lucas Guerra (violão sete cordas) e Anderson Botelho (pandeiro). Eles se apresentam a partir das 20h30 dessa sexta. O couvert custa R$ 20. E as reservas podem ser feitas pelo WhatsApp 998171464. O Poço das Artes, como vocês sabem, fica na Rua Álvaro Macedo, 54, Poço da Panela. No domingo (10/10) é a vez do Desdobrado Trio, que é recente. Tem dois anos de estrada. O grupo tem Raquel Paz (viola de arco), Karol Maciel (sanfona) e Bruno Nascimento (violão sete cordas).

O couvert também custa R$ 20 (em pix ou espécie).  O grupo surgiu a partir da vontade de tocar músicas autorais e de compartilhar o conhecimento da música instrumental popular. Eles mesclam a vivência erudita com a popular, a música instrumental pernambucana com a brasileira, a música de raiz com tendências da atualidade.

Confira apresentação do Chorinho da Roça:

Leia também
Poço das Artes retoma programação musical

Poço das Artes retoma noitadas musicais
Poço das Artes faz repeteco com música de cinema
Poço da Panela: jazz, cinema e prêmio
Música no Palácio tem tributo a Nat King Cole
Música de Cinema no Festival de Inverno
Clássicos, MPB e música de cinema
Música de cinema para todos
Noite de chuva com música de cinema
Música de cinema nessa quarta
Concerto com clássicos de cinema
Saudosismo dos musicais lota palácio
Musical com Mágico de Oz no Plaza
Clássicos, trilhas de cinema e Tom Jobim
Poço das Artes tem clássicos brasileiros
Índios, urbanos e divinos no Poço
Poço das Artes tem blues e jazz
Orquestra Pernambucana de Clarinetes anima Poço
Blues no Poço da Panela
Contracantos e contraventos no Poço
Chorinho e jazz “nordestino” no Poço
Maísa e dois rodrigos: álgebra musical
Poço das Artes movimenta Zona Norte
Música sem fronteiras no Poço das Artes
Geraldo Maia, voz e violão no Poço
Blues, jazz e Bossa Nova no Poço
O Poço das Artes de Clarissa Garcia
Dorival Caymmi, Amor e Mar no Poço
Pérolas para Jobim no Poço da Panela
Geraldo Maia, voz e violão no Poço
Chorinho com Duo Sensível no Poço

Texto: Letícia Lins / #OxeRecife
Fotos e vídeo:  Divulgação 

Compartilhe

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.