Passeios ao ar livre para quem não aguenta mais ficar em casa

Ninguém está aguentando mais ficar dentro de casa. Os equipamentos culturais do Recife voltaram a funcionar, os cinemas retomaram a programação, mas muita gente está mesmo é procurando fazer roteiros abertos, no meio da natureza. Pensando bem, nesses tempos de pandemia, eles são bem mais saudáveis.

O Andarapé Trilhas e Caminhadas já está com programação até dezembro. A maior parte dos roteiros inclui trilhas ao ar livre, seja  no Sertão, Agreste, Zona da Mata ou Litoral. Ou mesmo em outros estados. No sábado (21/08), haverá um passeio até Bezerros, na Região Agreste de Pernambuco, município famoso pelos bolos, pela xilogravura e devido à tradição dos papangus.

Com suas xilogravuras reconhecidas em todo o mundo, J.Borges está no roteiro do Andarapé do próximo sábado.

Confira, abaixo, as opções oferecidas pelo Andarapé até outubro. Posteriormente, o #OxeRecife informará outras opções de passeio entre novembro e dezembro, inclusive com réveillon.

Sítio Serra Velha, Bezerros, dia  21/8. O município fica na Região Agreste de Pernambuco, a 130  quilômetros do Recife. O roteiro inclui visita ao Museu e Memorial Xilogravura J.Borges e também o Museu do Papangu.  A trilha será no  Sítio da Serra,  com rota do morango e mirante da Quitéria. O grupo sairá às 6h da Praça do Derby, devendo retornar à noite ao Recife. O preço do passeio é R$ 175.

Rota Vapor do Vinho, de 3 a 7 de setembro – O destino será o Sertão do São Francisco, com a Rota Vapor  do Vinho, realizada entre Petrolina (PE, a 769 quilômetros do Recife) e Juazeiro (BA).  Dependendo da acomodação, o valor por pessoa pode ficar entre R$ 1.230 (apartamento triplo) e R$ 1580 (apartamento individual) . O pacote inclui visitas a vinícolas, degustação de vinhos, Lago de Sobradinho  e  passeio de catamarã, entre outras atrações.

 Caminhada da Farinhada, dia 11 de setembro –  Será  pela área rural do município de Moreno, que fica na Região Metropolitana, a apenas 28 quilômetros do Recife. Preço por pessoa, R$ 75.   O percurso a pé será de seis quilômetros. O preço é baratinho: R$ 75. No local, os visitantes poderão comprar produtos orgânicos e fresquinhos.  E terá direito ao kit com beiju seco, beiju de coco e manuê.

Trilhas, passeios pelos manguezais e flutuação são algumas das atrações de passeios em Maracaípe.

Cachoeira do Paraíso,  em 18 de setembro – com trilha pela mata. Será em Bonito, Agreste pernambucano, a  137 quilômetros do Recife. O valor do passeio é R$ 135. Bonito é conhecido pela exuberância de sua vegetação,  pelo plantio de flores, turismo de aventura e sobretudo pelas suas cachoeiras.

Flutuação em Maracaípe, dias 25 de setembro e 23 de outubro. Maracaípe fica vizinha à praia de Porto de Galinhas, em Ipojuca, Litoral Sul de Pernambuco.  O pacote inclui travessia do Rio Maracaípe, Trilha do Aratu, Aterro dos Padres, Trilha dos Escravos. Passagem por vegetação de restinga da Mata Atlântica, visita a igreja do século 17, Ribeira e flutuação.  Preço:  R$ 185 por pessoa.

Aparauá Ecoaventura funciona em uma reserva, e oferece muita diversão para crianças e adultos. Fica em Goiana.

Cidade das Dálias, dias 9 a 10 de outubro  – Conhecida pela suas fazendas de café, pelas flores de suas praças e também pelo seu clima ameno, a chamada Dália da Serra receberá o grupo por dois dias em outubro. Final de semana em Taquaritinga do Norte.  Preço: R$ 390. Claro que as fazendas cafeeiras e o processo de produção da bebida mais consumida do mundo estarão no roteiro. Rampa do Pepê, Freixeiras e Fazenda Boa Vista também estão incluídos. Taquaritinga fica a 164 quilômetros do Recife.

Aparauá Ecoaventura , Dia da Criança, 12 de outubro. Programa para toda a família. Antigo engenho, com muita vegetação de Mata Atlântica. O local tem rio, lago, pedalinhos, restaurante, trilhas. Aparauá fica em Goiana, a 60 quilômetros do Recife. Já estive lá justamente com o Andarapé. Vale a pena.

Nos links abaixo, você pode conferir outros passeios e trilhas já realizadas em Pernambuco. E outros em outros estados, como os do Legado das Águas, no Vale da Ribeira, em São Paulo, que em setembro inaugura uma casa flutuante para turistas.

Leia  também
Andarapé entre os sons da natureza
Casarão, Dona Maria e pinto roxo
Oásis do Agreste de Pernambuco, Serra Negra vira música
Quem vai flutuar nas  águas do Jalapão?
Vale do Catimbau: milênios de história
No Vale do Catimbau, longe do carnaval
Atendendo a pedidos sobre Aparauá
A melhor conexão é com a natureza
Oásis do Agreste, Serra Negra vira música
As outras flores da Dália da Serra
No Dia da Amazônia, trilha pela Mata Atlântica
Andarapé entre o século 16 e o 21
Andarapé vai ao Jardim Secreto no Poço da Panela
Domingo de trilhas na natureza
De volta às trilhas ecológicas
Trilhas voltam com força
Carlos planta 300 árvores no campus
Conheça o Legado das Águas
Uma casa para boiar no meio da mata

Serviço:
Andarapé Trilhas e Caminhadas
Contato – (081) 999898996 , com Ana Maria Almeida
e-mail – amc.almeida@gmail.com ou andarapé.trilhlasecaminhadas@gmail.com

Texto: Letícia Lins / #OxeRecife
Fotos:  Divulgação/ Gaitero Eco Tour / Maracaípe/ Andarapé e Letícia Lins (#OxeRecife)
Xilogravura: J.Borges  (reprodução)

Compartilhe

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.