O “Florescer” de Fabiana Santiago: “Eu sou o Sertão”

Licenciada em música  pelo Instituto Federal  Sertão Pernambucano e bastante conhecida do público no Vale do São Francisco – ali, no Circuito Petrolina-Juazeiro –  Fabiana Santiago já conquistou vários prêmios em festivais. Também abriu e participou de shows de Gil, Ana Carolina, Vanessa da Mata, Elba Ramalho e Alceu Valença. Apesar da pandemia, nesse mês de junho ela entra no clima de tradições juninas e a troca de presentes do Dia dos Namorados. No sábado (12/6), Fabiana lança clipe da música Florescer, que dá título ao primeiro álbum autoral (EP) da cantora e compositora.

O lançamento será no canal do YouTube da artista. E na verdade, completa projeto por ela desenvolvido desde o início do ano.E  que a partir dessa sexta-feira (11/06), pode ser conferido em todas as plataformas digitais, através de músicas como Deixa, Palavra de Mulher e Eu Sou o Sertão.   Das sete músicas que compõem o EP,  cinco delas foram compostas por Fabiana no período de um ano e duas delas foram regravadas. São elas: Palavra de Mulher, dos parceiros Zebeto Correa e Caio Junqueira Maciel;  e Petrolina e Juazeiro de Geraldo Azevedo e Moraes Moreira, que já pode ser considerada um dos clássicos do cancioneiro sertanejo.

O álbum Florescer é um desejo antigo da cantora— não só a criação das canções e a gravação das músicas, mas também a criação de um show para o EP. “Florescer é o meu desabrochar enquanto artista. Mulher em profunda mutação, palavra, poesia, resistência e resiliência em cada detalhe. Uma entrega de corpo, alma e voz. É cobrir de flores o caminho sombrio! Fazer brilhar!”, diz. Para os lançamentos desta sexta e sábado, a produção vai desenvolver uma campanha com ações de assessoria de imprensa (realizada pela Clas Comunicação e Marketing), além de um trabalho intenso nas redes sociais da artista e de amigos.  E como reforço adicional, todos os singles com clipes de altíssima produção estarão no canal do Youtube Fabiana Santiago.

Leia também:
Trio segue caminho de pais famosos
A “Doce Menina” de Ceceu Valença
Dupla divina: Marisa Monte e Paulinho
Música: Martins brilha no rio sob o sol
Almério “desempena” na Bahia
“Desempena”, Almério! Você vai longe
Almério e Silvério Pessoa no Marco Zero
Almério é um absurdo
Valencianas: ingressos esgotados
A Doce Menina de Ceceu Valença
Trio segue caminho de pais famosos
Kizomba, Kuduro, Funaná e frevo
Palestina do Recife: Cadê nosso país?
Uama Mahim: Sou preta, negra e fera
O Pirata José de Alceu e Bia
Novata, Bia canta com veteranos do Quinteto Violado
Wesley Safadão vai ser a cara da Pitu
Folia Geral movimenta Passa Disco
Tal pai, tal filho 
Morais Moreira em dose dupla
Todo sonho novo é madrugada
Pernambuco é meu canto bombou
“Mexe, remexe, se encosta se enrosca
Elymar Santos: Meu coração é brega
A última escalada de Augusto César 
Márcia Pequeno canta Zé Ramalho

Texto: Letícia Lins / #OxeRecife
Fotos: Divulgação

Compartilhe

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.