Sertaneja que teve bebê com Covid-19 deixa hospital com festa em Petrolina

São tantas as histórias tristes dessa pandemia… Histórias como a da jornalista Márcia Maria Pereira, 60, que contraiu a Covid-19,  e que morreu uma semana depois de ter perdido a filha, Isabel, 33, devido à mesma doença. Márcia trabalhava na Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul. E faleceu não só sem saber que a pandemia levara sua filha, como não chegou a tomar conhecimento de que esta lhe deixara uma netinha que, felizmente, sobreviveu.  Sorte maior teve a pernambucana Amanda Lisboa, 32 anos.

Ela enfrentou 51 um dias de hospital, período em que teve um bebê, Robertinho. Nesta semana, Amanda voltou para casa. E pôde, finalmente, colocar o filho no colo. Robertinho tem um mês e 19 dias de nascido.  Amanda, que é administradora de empresas, deu entrada no hospital no dia 28 de março. Estava com 30 semanas de gestação e sintomas de gripe. Após a confirmação do diagnóstico para a Covid, teve piora no padrão respiratório e precisou de intubação. O Diretor clínico do Hospital Unimed em Petrolina, Fernando França, informou que a paciente passou por todos os procedimentos necessários, inclusive os de alta complexidade.

Alta de Amanda é comemorada em Petrolina. Ela agora pode ficar com o bebê, que nasceu quando ela tinha Covid 19.

Porém, uma providência a mais teve que ser tomada. “Para o cuidado adequado, com as várias complicações por que passou a paciente, tivemos que antecipar o parto do bebê Robertinho, que ficou internado na Unidade de Terapia Intensiva Neonatal”, diz o Doutor. A paciente saiu da ventilação mecânica no último dia 9 e vai precisar de sessões de fisioterapia. Mas surpreendeu a equipe médica pela força e pela capacidade de lutar contra a doença. Sua vitória foi muito comemorada em Petrolina, a 769 quilômetros do Recife.

Para os profissionais que a acompanharam, Amanda foi um “exemplo de incrível força de vontade”. Foram, também, muitas as orações pela sua recuperação e manifestações de fé dos amigos e parentes pelo seu restabelecimento.  Sua saída do Hospital contou com  aplausos, balões coloridos e até rosas.  Ao sair, Amanda agradeceu à equipe médica e a todos os grupos que permaneceram em vigília e em rezas pelo seu restabelecimento e pela saúde do filho.  A família  – agora ampliada – está novamente reunida. Enfim, uma boa história, no meio de tantas outras – cada vez mais tristes – de perdas e vidas perdidas.

A Secretaria Estadual de Saúde notificou 3.188 novos casos da Covid-19 em Pernambuco, conforme boletim divulgado nessa quinta-feira (20/05). É o terceiro maior número de registros diários da infecção desde o inicio da pandemia. O recorde aconteceu em 19 de maio, quando foram notificados 3.440 casos da doença. O número bateu a marca de 13 de maio – a maior até então – quando a SES notificou 3.195 casos em um só dia. Agora,  o número oficial de pessoas que foram infectadas pelo coronavírus no Estado é de 403.320. Também foram confirmados 68 óbitos, com 15.048 vidas perdidas para a pandemia. No momento, 53 municípios do Agreste encontram-se sob medidas restritivas, por ser na região onde tem ocorrido maior curva ascendente da pandemia nas últimas duas semanas. Enquanto isso,  na CPI da Pandemia, o que a gente vê é uma lorota atrás da outra…

Leia também
A última “escalada” de Augusto César
Missa para o “anjo azul” do livro
Chega novo lote de vacinas
O mito começa a derreter?
Agreste enfrenta restrições
Sertão tem lockdown
Procon interdita bar e festa clandestina
Vacinas chegam para segunda dose
Vacinas chegam mas ficam restritas à Região Metropolitana
Pessoas com deficiência já podem se vacinar
Vacinas chegam com  71 mil doses a menos
Distribuição de máscaras e apoio ao polo de confecções do Agreste
Casos de Covid-19 batem recorde em Pernambuco
Vacinação para grávidas
Faltou mas chegou a Coronavac
Covid-19: Vacinação para quem tem comorbidade
Covid-19 leva Papai Noel
Nova remessa de vacinas chega com 92 mil doses a menos
Pandemia deixa idosos “cansados e desanimados”
Pernambuco recebe 225.150 doses
Covid em alta e ocupação de leitos perto de 100 por cento
Covid-19: Só a vacina salva
Covid: Começa vacinação de policiais
Covid: Bolsonaro vira “Judas” no Recife
Pandemia: lojas cheias, miséria na rua e recorde de casos
Recorde diário no número de óbitos
Covid: Pernambuco ultrapassa 12.000 mortes
Ocupação de leitos de UTI chega a 98 por cento
Quarentena é prorrogada
Pernambuco bate recorde de casos e seringas vão ao interior
Recife ganha mais dois postos de vacinação
Pernambuco ganha 208 mil doses e compra 4 milhões
Pernambuco bate outro recorde triste
No Recife, 90 por cento do público alvo acima de 70  já se vacinou
Vacinação contra a Covid-19 para quem tem 69
Cuidado com dose fantasma. Fique de olho na seringa na hora da vacinação
Vacinas seguem para o interior
Governadores e prefeitos cansam de esperar por vacinas
Governadores pressionam Pazuello por vacina. Paulo Câmara teme o caos
Vacina chega devagar. Vírus em alta velocidade. Agora é lockdown
Pernambuco todo em lockdown
Vacinas seguem para o interior
João Campos tenta agilizar compra de vacinas via Consórcio
Nova remessa de vacinas chega a Pernambuco
Vacinas que chegaram domingo seguiram para interior
Vacinas AstraZeneca/Oxford chega a Pernambuco
Vacinas seguem para regionais de saúde

Texto: Letícia Lins / #OxeRecife
Fotos: Divulgação

Compartilhe

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.