Dia da Água discute nossos rios. E o nosso Capibaribe, como anda?

No Dia Mundial da Água, a população do Recife não tem muito o que comemorar. É que a água está cada dia mais escassa nas torneiras da cidade. E como isso não bastasse, os dois maiores rios – Capibaribe e Beberibe – viraram esgotos a céu aberto. São totalmente poluídos. Assim como os 99 canais que cortam a capital, e que um dia foram cristalinos rios e riachos. Fotogênico, o  Capibaribe (fotos) tem muita beleza, mas é só a maré baixar para se observar toneladas de lixo encalhadas em seus manguezais.

Além disso, com o deficit de saneamento no estado o seu leito padece do despejo de dejetos domésticos in natura. O Dia Mundial da Água transcorre nesse 22 de março, mas o assunto tomará toda a semana. É que a Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas-PE) e a Cprh vão colocar no ar programação especial para celebrar a data. Na programação, debates, webinário, exibição de vídeos, além de lançamentos de livro e audiolivro. A semana será aberta, nesta segunda (22/3), às 9h, com o anúncio de novas ações do Governo de Pernambuco para garantir a disponibilidade hídrica no Estado.

Bonito e sinuoso, o Rio Capibaribe é muito fotogênico, pois está cada dia mais poluído., infelizmente.

“A água é um bem essencial para a vida no planeta. Por isso, é tão importante garantir a disponibilidade dela em quantidade e qualidade suficiente para todos. Isso passa pela conservação das nossas nascentes, mananciais, matas ciliares, reflorestamento de áreas degradadas e também do uso sustentável da água”, diz o secretário de Meio Ambiente de Pernambuco, José Bertotti. “Sabe-se que sem água não há vida. Então, proteger e trabalhar em prol dos recursos hídricos é proteger a própria vida e a vida de cada ser”,  destaca o presidente da CPRH, Djalma Paes.

Com transmissão simultaneamente nas redes sociais da Semas/PE e Cprh, a programação conta com três bate-papos ao vivo. O primeiro é o webinário Dia da Água – Uma abordagem sobre a bacia do Una: Reflexões e proposições quanto ao seu potencial socioeconômico e ambiental  na quarta (24), às 10h.  Na quinta (25), às 9h, acontece o debate Perspectivas da Segurança Hídrica e o impacto na vida das mulheres no Semiárido.  O último bate-papo ao vivo ocorre, na sexta (26), às 14h, junto com o Espaço Ciência. Trata-se do debate Ambientes estuarinos em Pernambuco: o encontro das águas.Durante toda a semana, sempre às 15h, também será apresentada uma série de vídeos sobre monitoramento dos rios de Pernambuco, produzida pela CPRH. Destaque ainda para o Lançamento do audiolivro Quem vai salvar o rio?, na terça-feira (23), e do livro em forma de quadrinhos Quero meu rio de volta, dos autores Newton Antas e Edenia Amaral; na quinta (25), à tarde. A programação será transmitida pelos canais da Semas e CPRH no YouTube, Facebook e Instagram. Os diálogos ao vivo serão transmitidos apenas nas duas primeiras redes sociais.

Leia também:
Era um riacho, mas leito espesso parece asfalto
“Riacho” Parnamirim ainda tem jeito
Riachos podem ser recuperados
Ex-rios, canais viram esgotos e lixões
Dia da Água: Nossos rios poluídos
Era um riacho, mas leito espesso parece asfalto
“Riacho” Parnamirim ainda tem jeito
Riachos podem ser recuperados
Ex-rios, canais viram esgotos e lixões
Dia da Água: Nossos rios poluídos
Pernambuco ganha três novas unidades de conservação. Todas no Agreste
Poluição excessiva no Capibaribe é investigada

Cadê  o Parque Capibaribe? O Rio merece respeito
Lixo oficial à margem do Capibaribe, cidade entregue e prefeito impopular 
Metralhas à margem do Capibaribe foram colocadas pela Prefeitura. Pode?
Águas pluviais e esgoto doméstico: Quando tudo se mistura sob o chão
Sessão Recife Nostalgia: Quando a cidade era cem por cento saneada
Sessão Recife Nostalgia: Os banhos noturnos de rio no Poço da Panela
Recife, saneamento, atraso e tigreiros
Mais 19 anos sem saneamento. Pode?
Dejetos infectos no meio do caminho
Dejetos infectos em Casa Forte
Boa Viagem tem esgoto na areia
Língua negra em Boa Viagem
Esgoto incomoda no Espinheiro
Capibaribe: lixo é rua sem saída
Dia da Água: nossos rios poluídos
Riacho Parnamirim ainda tem jeito
Era um riacho, mas leito espesso parece asfalto
Um Brasil de rios sujos
Ex-rios, canais viram esgotos e lixões
Açude de Apipucos virou um lixão
Pouco resta do lindo Chalé do Prata

Quanto mais tira mais lixo aparece

Dinheiro público vira ferrugem em PE
O leito de vidro do Rio Capibaribe
Emlurb limpa rio e tartaruga luta para sobreviver
Recife, saneamento, atraso e tigreiros só em 
Você está feliz com o Recife?
Um Brasil de rios sujos
Nossos rios poluídos em discussão
Recife, mangue e aldeões guarás
O “rio” de João Cabral  na Passa Disco


Serviço
O que: Uma semana inteira de programação especial para comemorar o Dia Mundial da Água
Quando: 22 a 26 de março de 2021.
Onde: Youtube/SemasPernambuco, Youtube/CPRH, Facebook/SemasPE, Facebook/CPRHPE
Instagram: @oficialsemaspe / @cprh.pe

Programação
22.03 (Segunda)

9h – Governo de Pernambuco lança projetos para garantir a disponibilidade hídrica no Estado
15h – Vídeo – monitoramento dos rios de Pernambuco

23.03 (Terça):
12h – Lançamento – audiolivro “Quem vai salvar o rio?”
15h – Vídeo – Coleta de amostras de água24.03 (Quarta):
10h – webinário – Uma abordagem sobre a bacia do Una: Reflexões e proposições quanto ao seu potencial socioeconômico e ambiental
15h – Vídeo – Análise laboratorial da água

25.03 (Quinta):
09h – debate – Perspectivas da
Segurança Hídrica e o impacto na vida das mulheres no Semiárido do Brasil
12h – Lançamento – história em quadrinhos “Quero meu rio de volta”
15h – Vídeo – Avaliação da qualidade da água

26.03 (Sexta):
10h – Vídeo de Meditação guiada – “meditando com a natureza”
14h – debate – Ambientes estuarinos em Pernambuco: o encontro das águas
15h – Vídeo – Utilização dos dados de qualidade da água

Texto e foto: Letícia Lins / #OxeRecife

Compartilhe

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.