Demanda por vacina sobrecarrega ConectaRecife e sistema sai do ar

É todo mundo querendo se vacinar. Bastou a divulgação das novas remessas de vacinas contra a Covid-19, para começar a inquietação. E foi tanta gente querendo agendar a imunização no Conecta Recife, que o sistema entrou em pane. Ninguém consegue fazer o agendamento, mesmo já tendo feito o cadastro para ter direito à vacina contra o coronavírus.

É que o sistema funciona assim: Primeiro, a pessoa se cadastra. Depois, tem que entrar de novo no sistema, para agendar o dia de receber a dose, dentro do público convocado. O próximo grupo a ser beneficiado envolve idosos com 78 anos ou mais. Mas nem tente entrar antes das 18h, porque o sistema está em reparos. A imunização recomeça amanhã, mas não vá sem agendar. Porém, hoje à tarde está complicado fazer isso:

“A Prefeitura do Recife informa que, devido à alta procura no agendamento da vacinação contra a covid-19 para idosos com idades entre 78 e 79 anos no Conecta Recife, o sistema precisou passar por ajustes necessários. O prazo para regularização e início do agendamento deste novo grupo está previsto para às 18h desta quinta-feira (25), com início da vacinação já para esta sexta (26).”

A faixa etária da última etapa de vacinação tinha sido de 80 para cima. A ampliação do público alvo foi possível após o Recife receber, na quarta-feira (24), mais doses da vacina Oxford/AstraZeneca, enviadas pelo Ministério da Saúde – que contemplará esse novo grupo. Até o momento, o Recife tem 69.701 pessoas imunizadas contra a covid-19, sendo que 12.309 delas já receberam a segunda dose e concluíram o esquema vacinal. Desse total, 32.847 são idosos acima de 80 anos, o que representa 83% das 39.626 pessoas nessa faixa etária cadastradas no Conecta Recife.

Demanda por agendamento para vacinação sobrecarregou o sistema e ele só volta ao ar às 18h: em reparos.

Para tomar a vacina, esses idosos precisam realizar o agendamento pelo Conecta Recife, iniciativa que faz parte da transformação digital realizada pela Prefeitura do Recife. Através do www.conectarecife.recife.pe.gov.br ou app gratuito disponível nas lojas PlayStore, para Android; e AppStore, para dispositivos iOS, a população pode fazer o cadastro e, se estiver dentro de algum grupo prioritário, agendar o dia, hora e local para receber a imunização. Caso a pessoa seja acamada, é possível sinalizar a condição marcando a opção disponível durante o cadastro para, dessa forma, receber a visita domiciliar de uma das equipes volantes da Secretaria de Saúde.

Na quarta-feira, o prefeito João Campos anunciou em Brasília, que a capital pernambucana irá retomar as tratativas junto aos laboratórios para a aquisição de vacinas contra o novo coronavírus. O anúncio foi feito um dia após o Supremo Tribunal Federal (STF) autorizar Estados e municípios a adquirirem doses de imunizantes em caso de descumprimento do Plano Nacional de Imunização (PNI) pelo Governo Federal ou de insuficiência de doses para garantir a proteção da população. As equipes da Prefeitura do Recife já estão buscando laboratórios de todo o mundo que tenham capacidade de vender a vacina para o Recife. Também está sendo avaliada a criação de uma frente junto com outros municípios, a Frente Nacional de Prefeitos, para se construir um consórcio, que poderá adquirir vacinas e distribuir aos municípios.

Segundo a Secretaria Estadual de Saúde (SES), foram registrados 1.202 novos casos da Covid-19 em Pernambuco, nas últimas 24 horas. Destes, 51 (quatro por cento) são aqueles considerados como Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag).  Também foram confirmados 15 óbitos, o que eleva para 10.926 o número de vidas perdidas no estado para a pandemia. Em Pernambuco, o número oficial de pessoas infectadas até o momento é 295.681. A partir de amanhã (sexta, 26),  63 municípios da Zona da Mata, do Agreste e do Sertão enfrentam medidas restritivas, para conter a expansão da pandemia.

Leia também:
Mais 82 mil doses da vacina chegam a Pernambuco
Pandemia: “Podemos tomar medidas mais duras nos próximos dias”
Pandemia:  governo proibe festas e praias podem fechar de novo
Estamos passando por um momento difícil da pandemia
Governo diz que já chamou 8,1 mil profissionais para lutar contra a Covid
Em calamidade pública,Pernambuco cancela carnaval 
Covid-19 volta a subir. E muito
Pandemia cresce e Pernambuco tem 428 novos leitos públicos
Crise na saúde: #SomostodosCisam
Covid: números preocupam mas bares abusam na Zona Norte
Pernambuco está pronto para distribuir vacina contra Covid-19
Proibidas festas de Natal e reveillon
Pastoris virtuais começam no sábado
Proibidas festas de Natal e réveillon
Pilar: Projeto Ação prepara festa natalina
Dê presentes sociais nesse Natal
Lar do Nenen precisa de ajuda
Sem festa da Vitória Régia, Casa da Criança Marcelo Asfora precisa de você
Decoração natalina perdeu para outras capitais do Nordeste

Texto: Letícia Lins / #OxeRecife
Foto: Aloísio Moreira / Divulgação / SEI e PCR

Compartilhe

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.