Agremiações carnavalescas e artistas: Inscrições do AME começam hoje (22/2)

Não é muito. Mas é melhor do que nada, principalmente para quem vive da cultura, e está desde março do ano passado sem direito a uma apresentação, a um cachê. Em 2020, grupos de forró, cantores, técnicos de som ficaram sem trabalhar no São João e nas festas de fim de ano. E 2021 já começou mal para músicos, cantores, maestros e agremiações carnavalescas. Sem realização da festa devido à pandemia, muitos estão em situação difícil.

Então, se você é artista ou comanda um grupo de maracatu – rural (foto) ou Nação – bloco, troça, caboclinho, la ursa, fique ligado. Começa nessa segunda-feira (22/2) pela Internet, as inscrições de atrações artísticas e agremiações que poderão receber o Auxílio Municipal Emergencial (AME) – Carnaval do Recife.  Elas podem ser feitas até 9 de março no site www.culturarecife.com.br. Quem tiver alguma dificuldade, pode apelar para o atendimento presencial extraordinário, que funcionará no andar térreo do prédio sede da Prefeitura. Isso para pessoas com deficiência ou que não puderam realizar a inscrição pelo site.

Também há dois telefones disponíveis para esclarecimentos (81) 3355-8582 ou (81) 3355-9113. Este atendimento é de segunda a sexta,, das 9h às 17h para tirar dúvidas. Há ainda, um e-mail criado especialmente para esse tipo de atendimento (amecarnavalrecife@gmail.com). O total destinado ao amparo da cadeia produtiva e criativa do ciclo carnavalesco chega a R$ 4 milhões, segundo o Prefeito João Campos (PSB). O AME foi proposto pelo Prefeito à Câmara Municipal, e logo aprovado e transformado em lei por unanimidade. Cerca de 160 agremiações e 900 atrações artísticas (entre cantores, bandas, orquestras, grupos de dança) podem solicitar o auxílio, confirmando o atendimento aos requisitos básicos. É necessário estar sediado no Recife e ter integrado a programação oficial do Carnaval 2020, promovida pela Fundação de Cultura Cidade do Recife.

O auxílio só é válido para agremiações e artistas já cadastrados na PCR. Durante o período de inscrições, funcionará um atendimento presencial extraordinário no térreo do prédio sede da Prefeitura do Recife, para pessoas com deficiência ou que não puderem realizar a solicitação pelo site. Será necessário agendar o atendimento, para assegurar o respeito às regras sanitárias, pelos telefones: (81) 3355-8582 e (81) 3355-9013, também disponíveis, de segunda a sexta, das 9h às 17h, para esclarecimento de dúvidas. A Prefeitura do Recife também criou o e-mail amecarnavalrecife@gmail.com, para prestar informações solicitadas pelo segmento.

O AME equivale a 50% do valor máximo unitário de cachê, para atrações artísticas, ou 50% da subvenção, para agremiações, tendo por base o Carnaval de 2020, respeitando um teto de R$ 10 mil para cada pagamento. Nenhuma contrapartida obrigatória será exigida aos contemplados pelos recursos. O auxílio emergencial será pago pela Prefeitura do Recife, com apoio da iniciativa privada. A Ambev, patrocinadora master dos ciclos festivos da cidade, integra a estratégia de amparo ao patrimônio cultural do povo recifense, nestes desafiadores tempos.

Leia  também:
Carnaval Cultural mostra ícones da festa
Cadê o Homem da Meia Noite? E o Galo?
Tacaruna: Exposição dos bonecos “de Olinda”que, no entanto, são do Recife
Maracatu Rural movimenta RioMar
Um passeio pela cultura popular do Brasil no  Paço do Frevo
Dia do Frevo e aniversário do Paço com programação movimentada
Almério, Claudionor, Nonô, Nena Queiroga e caboclinhos
Bloco das Flores ganha expô
O fuzuê do carnaval da Bahia e o Bora Pernambucar no Recife
A festa do trio de bonecos gigantes
MeninXs na Rua: Caminhada do Frevo
Os antigos carnavais em fotos
Escuta Levino sai quinta sem os Guerreiros do Passo
É de perder os sapatos no Recife
Centenário Bloco das Flores ganha expô
Caminhada Carnavalesca dos MeninXs
Bora Pernambucar chega ao fim com encontro de bonecos gigantes
Rei e Rainha de Momo sobem o Morro
Zé Pereira festeja cem anos no Recife
A Zé Pereira, com festa e com afeto
À espera de Zé Pereira no Recife
Arcoverde provou que é multicultural
Caretas, tabaqueiros e caiporas
As viagens do Homem da Meia Noite
Paço do Frevo e Homem da Meia Noite animam o Bairro do Recife
Homem da Meia Noite sobe o Morro
Entre o sagrado e o profano, Homem da Meia Noite sobe o Morro
Homem da Meia Noite merece respeito
“O carnaval melhor do meu Brasil
Carnaval: Recife ou Olinda?
Teatro Santa Isabel abre para o frevo
Samba na Bomba do Hemetério
 
Nostalgia no Pátio de São Pedro
À espera de Zé Pereira
Homem da Meia Noite sobe o Morro
Entre o sagrado e o profano, Homem da Meia Noite sobe o Morro
Prata da casa decora o Recife em 2019
Recife: Igreja, santo, orixá e carnaval
 

Texto: Letícia Lins / #OxeRecife
Foto:  RioMar/ Divulgação / Acervo #OxeRecife

Compartilhe

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.