Nada como fotografar a natureza…

Por conta da pandemia, a Agência Estadual do Meio Ambiente decidiu cancelar a 31ª edição do Prêmio Vasconcelos Sobrinho, que contempla instituições ou pessoas com histórico de bons serviços prestados à natureza. Mas nem por isso a exaltação à flora e à fauna deixaram de estar em evidência, com a criação do Primeiro Concurso de Fotografias Unidades de Conservação do Meu Caminho. O certame teve por objetivo enaltecer as belezas e riquezas que são protegidas e unidades de conservação da natureza em Pernambuco.

A escolha das fotos foi por votação popular e realizada no período de 18 a 20 de novembro, no Instagram da Agência. Cerca de 200 fotos foram inscritas. Destas, foram selecionadas quinze, cinco de cada categoria: paisagem, biodiversidade e ações para proteção. As vencedores foram Lucas Almeida, Adriano Monteiro e Renato Rodrigues Nery.  Lucas ganhou na categoria Biodiversidade, ao fazer o belo registro de uma perereca Boana atlântica em cima de uma flor tropical. Coisa linda, como vocês observam na foto ao lado. Na categoria ação de proteção, venceu Adriano Monteiro, ao registrar o momento da reintrodução de um animal silvestre à natureza (foto maior)

E Renato Rodrigues Nery foi o vencedor na categoria Paisagem, ao fazer o registro de um belo de um visgueiro, árvore que encanta pela beleza e imponência. Cada um dos autores das imagens vencedoras será premiado com um smartphone, certificados e um kit de materiais produzidos pela Cprh.  O segundo e terceiro lugares de cada uma das categorias, também receberá certificado e publicações da Cprh.  O I Concurso de Fotografias Unidades de Conservação no Meu Caminho, foi uma das ações que integrou a programação da IV Semana das Unidades de Conservação da Natureza, realizada entre os dias 17 e 21, pela Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas) e Agência Estadual de Meio Ambiente (Cprh), por meio da Unidade de Gestão das Unidades de Conservação (Uguc).

Na avaliação da diretora de Recursos Florestais e Biodiversidade (Drfb), Janaína Teixeira, a iniciativa proporcionou um melhor conhecimento dos espaços preservados e despertaram um melhor entendimento da importância de conservar os ambientes que guardam atributos ecológicos, cênicos, históricos, culturais. “Quando a gente conhece melhor os processos da natureza fica mais fácil cuidar e proteger”,  diz. Para o gerente da Uguc, Gleydson Castelo Branco, foi alcançado o objetivo “de conscientizar as pessoas da importância da manutenção das nossas Unidades de Conservação”.  E acrescenta: “Com o concurso de fotografias pudemos não só tornar as UCs mais conhecidas, como também fazer com que estas pessoas (participantes) se sintam no dever de protegê-las também”.

Veja os contemplados no I Concurso de Fotografias “Unidades de conservação no meu caminho”, por categorias:
Categoria Biodiversidade
1 lugar: Lucas Almeida @lucasalmeid (1872 curtidas)
2 lugar: Camila Brasil @camibls (1341 curtidas)
3 lugar: Juvenal Filho @amaralfilhojd (1002 curtidas)

Categoria Ações para Proteção
1 lugar: Adriano Monteiro @blogadrianomonteiro (2740 curtidas)
2 lugar: Daniel Galvão @salvemaracaipe (2327 curtidas)
3 lugar: Ewa Jansen @ewajansen (691 curtidas)

Categoria Paisagem
1 lugar: Renato Nery @neryfoto (1619 curtidas)
2 lugar: Renato Albuquerque @renatopbafotos (1171 curtidas)
3 lugar: Mayssa Leão @mayssaphotos (527 curtidas).

Leia também:
Os agraciados com o Prêmio Vasconcelos Sobrinho
#OxeRecife é destaque da Imprensa no Prêmio Vasconcelos Sobrinho, da Cprh
Prêmio Vasconcelos Sobrinho vem aí para quem faz pela natureza
Prêmios pelo amor à natureza
Amor à natureza rende prêmios
Campanha contra plástico rende prêmio
Prêmio de quase R$ 50 mil para quem, no mundo, melhor limpar sua comunidade
A 10000ª espécie ameaçada
Pernambuco ganha três novas unidades de conservação, todas no Agreste

Texto: Letícia Lins / #OxeRecife
Fotos: Lucas Almeida, Adriano Monteiro e Renato Nery / Cprh

Compartilhe

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.