Autorizado retorno às aulas presenciais

As aulas presenciais foram autorizadas hoje em Pernambuco. A liberação é só  vale para o ensino médio. Assim mesmo, só a partir de outubro. E o retorno será gradual. O Governador Paulo Câmara (PSB) anunciou hoje a retomada das aulas presenciais para os alunos do Ensino Médio. Mas em um primeiro momento, só está autorizado o retorno das turmas do 3º ano, previsto para 6 de outubro. No dia 13, as escolas poderão retomar as atividades com os estudantes do 2º ano. E, no dia 20, poderão ser reiniciadas as aulas para os alunos do 1º ano, do Ensino Técnico Concomitante e Subsequente e da Educação de Jovens e Adultos. Para os estudantes, no entanto, o retorno é opcional. No caso de o aluno ser menor de idade, a decisão cabe aos pais ou responsáveis. As aulas remotas devem ser mantidas para atender a quem escolher essa opção, mas as escolas também têm a opção de ofertar o ensino híbrido, combinando os dois formatos de aula.

O Governador Paulo Câmara (PSB) disse que de todas as decisões difíceis durante a pandemia, o retorno às escolas foi a maior delas, mesmo com os indicadores da pandemia em queda no Estado. “Estamos acompanhando o que vem acontecendo nos países da Europa, com a chegada de novas ondas após uma aparente superação da pandemia. É necessário manter toda a atenção, porque ainda vivemos uma transição, e esta fase que chamamos de convivência não tem prazo determinado”, disse. As instituições precisam observar todas as normas estabelecidas no protocolo setorial da educação, respeitando as orientações sobre distanciamento social, as medidas de proteção e prevenção, bem como as de monitoramento e orientações.

Entre as principais medidas previstas no protocolo estão o uso obrigatório de máscaras, distanciamento de 1,5 metro entre os estudantes e entre os equipamentos escolares – como as bancas e cadeiras – lavagem das mãos e uso do álcool em gel, orientações para todos nas escolas, monitoramento e testagem dos casos suspeitos e de seus contactantes. Além disso, fica determinado que estudantes, professores e demais profissionais da escola com fatores de risco (idade, doenças crônicas ou gestação) não devem retornar caso não tenham se infectado anteriormente. A retomada prevê, ainda, que o plano da escola deve ser informado aos pais ou responsáveis, professores e demais colaboradores para que todos compreendam o processo de retorno. O protocolo também estabelece o monitoramento de casos suspeitos entre estudantes, professores e demais profissionais, com orientações sobre testagem, inclusive dos contactantes na escola e na família. O Governo do Estado também anunciou a liberação das competições de modalidade coletiva envolvendo atletas federados, a partir de amanhã.

A  Secretaria Estadual de Saúde informou hoje que nas últimas 24 horas foram registrados 260 novos casos da Covid-19, elevando-se para 141.777 o número oficial de pacientes que foram infectados pelo novo coronavírus. Também foram confirmados nove óbitos em laboratório, devido à infecção.  Agora, somam 8.025 as vidas perdida para a doença no estado. Importante: Com o retorno às aulas presenciais, professores  e demais profissionais da rede estadual de ensino contarão com um centro de testagem da Covid-19. A estrutura começa a funcionar em outubro com a retomada das aulas presenciais nas escolas, na sede da Secretaria de Educação, no bairro da Várzea, no Recife, das 7h às 15h. Os testes serão realizados mediante agendamento.

Leia também:
Covid-19: “Parece que abriu a porteira”
Praia ganha placas divertidas
Recife volta a liderar óbitos da Covid-19
Hospital provisório desativado sob investigação da PF
Pandemia: A polêmica dos respiradores
Suspeita na compra de respiradores: Operação Apneia na terceira fase
Pandemia em queda no Recife. E depois do coronavírus?
Spós os duvidosos, respiradores turcos
Quem tem razão, o Ministério Público de contas ou a Prefeitura?
No Brasil, 3,6 mil respiradores precisam de conserto
A briga judicial por respiradores em PE
Máscaras podem virar caso de polícia
Pandemia: A ação do bem se amplia

Texto: Letícia Lins / #OxeRecife
Foto:  Pedro Menezes / Divulgação/ SEI

Compartilhe

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.