No Dia da Árvore, o Recife ganha seis. Mas… quantas a cidade já perdeu?

No Recife, ninguém sabe com precisão o número de árvores que desapareceram nos últimos sete anos de calçadas, praças, jardins da cidade. O que se sabe é que mais de 5 mil foram erradicadas nos dois primeiros  anos da atual gestão, segundo informava a Emlurb até 2015. Depois, esse número virou uma caixa-preta. O fato é que nunca se viu tantas degolas na capital, como se observa desde 2013. Mas a Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade do Recife (Smas) garante que plantou 56 mil árvores nos últimos sete anos, 11.051 das quais no ano passado. A Prefeitura estima que haja atualmente pelo  261.313 árvores espalhadas por logradouros públicos.

O número oficial permanece polêmico. Porque no início da atual gestão, os órgãos públicos informavam que o Recife tinha 250.000 árvores. Se 56 mil foram plantadas, hoje estaríamos com 306.000 não é verdade? Ou então, a ação da motosserra insana e o consequente arboricídio foram maiores do que a gente pensa. O fato é o que o Recife está cheio de ruas onde não há arborização nenhuma, motivo que levou o #OxeRecife e fazer os registros dessa situação na série #RecifeEmergênciaClimática. Ela vem se somar à campanha #ParemDeDerrubarÁrvores, que faz o registro aqui no Blog de degolas que ocorrem no Recife, sejam decorrentes da iniciativa pública ou da privada. Na segunda (21/9) é Dia da Árvore. E a Smas informa que vai fazer o “plantio simbólico” de seis mudas no bairro do Ipsep.

No Dia da Árvore, na segunda-feira (21),bem que as autoridades poderiam prometer o fim de cenas como esta.

O local que as receberá é uma praça, à altura do número 355 da Rua Jean Emille Favre, uma das mais importantes daquele bairro. As duas espécies escolhidas para o plantio da segunda-feira são nativas da Mata Atlântica: a sibipiruna e o  pau-ferro. A primeira pode atingir de oito a 20 metros de altura e é muito frequente em áreas públicas do Recife. Segundo a Smas, só na Maratona Verde, desencadeda em 2019, foram plantadas 10 mil árvores na cidade, durante o período de uma semana. E lembra que através do projeto Bora Plantar?, “moradores também podem se sentir parte de todo o processo de arborização ao solicitar o plantio de uma árvore na sua rua ou calçada por meio do telefone 156”.

Informa ainda que a Prefeitura dispõe de um viveiro florestal no Jardim Botânico do Recife, onde são produzidas 1,2 mil mudas ao ano para serem plantadas em toda a cidade.” Estima-se que a capital pernambucana tenha cerca de 261.313 mil árvores espalhadas pelos logradouros urbanos”. Quem quiser uma árvore na calçada, na praça ou em frente à residência, é só seguir o protocolo com regras estabelecidas pelo Manual de Arborização Urbana desenvolvido pela Prefeitura do Recife em 2013 e disponível gratuitamente pela Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade no link https://bit.ly/2RzhMeC.

“Dessa forma, o planejamento considera espécies que se adaptem às características dos passeios públicos, isto é, não tenham frutos, folhas ou flores que escorregam ou raízes pouco profundas, por exemplo. Todas as mudas que são plantadas na cidade saem do viveiro do Jardim Botânico, uma espécie de berçário das árvores”, explica o secretário de Meio Ambiente e Sustentabilidade do Recife, José Neves Filho. Durante o período de pandemia, as atividades de plantio coletivo realizadas pela Smas ficaram suspensas para evitar a disseminação da covid-19 e retornam de forma gradual, cumprindo os protocolos das autoridades sanitárias.

Leia também:
O Recife tem quantas árvores?
Arboricídio mobiliza Câmara Municipal
Contra as clareiras do Espinheiro
Espinheiro quer túneis verdes
Compensação pelo arboricídio
Lei para conter o arboricídio
#RecifeEmergênciaClimática
#RecifeEmergênciaClimática (1)
#RecifeEmergênciaClimática (2)
#RecifeEmergênciaClimática (3)
#RecifeEmergênciaClimática (4) e Covid-19 na Festa do Carmo
#RecifeEmergênciaClimática: Espinheiro perde túneis verdes
Recife árido: Emergência Climática
Emergência climática: Recife mais verde é balela. ParemDeDerrubarÁrvores
Emergência climática no currículo
Parem de derrubar árvores (54)
Parem de derrubar árvores (127)
Parem de derrubar árvores (177)
Parem de derrubar árvores (130)
Parem de derrubar  árvores (32)
Parem de derrubar árvores (86)
Parem de derrubar árvores (96)
Parem de derrubar árvores (165)
Bora Plantar? Chame o 156

Serviço
Dia da Árvore: Plantio simbólico no Ipsep
Data: 21 de setembro de 2020
Horário: 8h
Local: Rua Jean Emille Favre, 355, no bairro do Ipsep

Texto: Letícia Lins / #OxeRecife
Fotos: Andréa Rego Barros/ Divulgação/ PCR e Letícia Lins

Compartilhe

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.