Parem de derrubar árvores (263)

Mais uma degola no nosso Recife da emergência climática e do arboricídio. Na minha caminhada matinal, hoje, pelo outrora verde bairro de Apipucos, encontrei mais uma vítima de arboricídio. Dessa vez, na esquina na Rua Bebinho Salado, que fica perto da Casa de Recepções Arcádia.

O que impressiona é que agora são dois tamboretes, um em cada uma das extremidades da Bebinho Salgado. Este último, ainda com o pó de serra marcando o chão, fica na esquina com a Rua Pedro Correia. A Bebinho Salgado é relativamente curta. Do lado onde constam as duas degolas, não há mais de dez casas.  Em julho, já tínhamos informado aqui, a respeito de uma árvore adulta, que dava grande sombra, e que foi degolada na calçada daquela via. Já passaram  dois meses e nada de reposição. O tamborete imenso está lá.

Infelizmente, essa cena é mais comum, aqui no Recife, motivo de muita tristeza para nós, cidadãos que pagamos nossos impostos, para ter direito a serviços como saneamento básico, ruas calçadas, iluminação pública, manutenção de parques e jardins, e também da arborização de nossas ruas. Mas, sinceramente, essas degolas estão se transformando em um verdadeiro descalabro. É uma em cada esquina. Deus me livre. Agora, que retomei minhas caminhadas, é só o que vejo em tudo de quanto é rua.

O pior é que o cidadão comum nem tem como fazer reposição – já que o poder público não faz como deveria – pois em muitos dos alegretes com registro de arboricídio, não há destocamento o que tem que ser feito com máquina, dependendo do porte da planta. No caso da Bebinho Salgado, as duas árvores degoladas estão lá com seus tamboretes. E há alegretes que o cimento encosta no tronco dos “cadáveres” não restando espaço para novo plantio. Infelizmente o descalabro tanto pode ser visto em parque, jardins e ruas do Recife, quanto em áreas particulares. E também em repartições estaduais, como quartéis da PM e até mesmo o Museu do Estado.
Veja, abaixo, links sobre outras perdas do bairro de Apipucos

Leia também:
Parem de derrubar árvores (250)
Parem de derrubar árvores (247)
Parem de derrubar árvores  (7)
Parem de derrubar árvores (28)
Parem de derrubar árvores (137)
Parem de derrubar árvores (217)
Parem de derrubar árvores (223)
Parem de derrubar árvores (11)
Parem de derrubar árvores (12)
Parem de derrubar árvores (19)
Parem de derrubar árvores (33)
Parem de derrubar árvores (60)
Parem de derrubar árvores (65)
Parem de derrubar árvores (119)
Parem de derrubar árvores (130)

Texto e fotos: Letícia Lins / #OxeRecife

Compartilhe

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.