A verdade sobre o Americano Batista: O colégio foi vendido? Será demolido?

Durante esta semana, o zum zum zum foi grande. As redes sociais foram invadidas por informações segundo as quais o Colégio Americano Batista iria fechar. E somaram centenas as lamentações pelo “desaparecimento” de mais um colégio tradicional. Como já se foi o Marista, que funcionava na Boa Vista.  O Americano Batista teria sido vendido, para a construção de um shopping center. Instituição centenária – com 104 anos de funcionamento – sua sede imponente já se integrou à paisagem do Recife e à memória afetiva de sua população. É natural, pois, que a cidade se revolte com o que julgou mais uma demolição que viria por aí. Mas nem o colégio vai acabar nem o prédio será derrubado. Também não é verdade que o seu terreno de 40.000 metros quadrados tenha sido vendido.  Mas é certo sim que a metade da área poderá ser ocupada pelo Pátio Americano, um centro de comércio, lazer e serviços, cujo projeto encontra-se em tramitação na Prefeitura do Recife.

Pelo que observei, o projeto pode até mudar para melhor a paisagem daquele trecho dos bairros da Boa Vista e Parque Amorim. Como se sabe, o colégio tem um pé na Rua Dom Bosco e um outro na Avenida Agamenon Magalhães, na parte local que, depois,  se transforma em Rua Fernandes Vieira, no sentido Boa Vista / Bairro do Recife. Tanto em uma face como outra, os muros seriam retirados, o que daria maior amplitude a toda aquela região. Ou seja, os seus verdes jardins seriam integrados à paisagem urbana da cidade. Na verdade a área em questão já está arrendada mediante contrato de trinta anos com grupo empresarial que atua inclusive na área educacional, na Zona Sul do Recife. Aparentemente não haverá descaracterização da paisagem tradicional. O terreno a ser ocupado pelo Pátio Americano tem cem árvores. Infelizmente, seis serão eliminadas como sempre ocorre em projetos comerciais ou imobiliários. “As seis terão que se realocadas”, informou a mesma fonte.  Vamos torcer não só que sejam mesmo, como também que a área ganhe mais arborização. “O verde será preservado e disponibilizado para todos”, assegura um dos  responsáveis pelo projeto.

Pátio Americano deverá ser construído em um terreno de 20 mil metros quadrados, arrendados ao Americano Batista.

O complexo – que vem sendo colocado como “um lugar à espera de uma grande ideia” –  deverá ter 7.459 metros quadrados de ABL (área bruta locável),  514 vagas para automóveis, 140 para motos e 220 para bikes. O complexo inclui 82 lojas satélites, doze de serviços, um cinema, parque gastronômico, bike center e setores de conveniência. Provavelmente nesta semana o projeto passará pela análise da Cttu e da Comissão de Controle Urbano. A concepção do projeto tem a assinatura da LG Consultoria e Assessoria, e da LMS/TGI – Gestão de empreendimentos. O arrendamento de parte do terreno do Americano Batista já era pretendido pelo Convenção Batista de Pernambuco desde 2007, como forma de capitalizar mais a instituição.

“Mas o primeiro contrato não prosperou e foi assinado um novo contrato, em 2013”, afirma em nota, o Pastor Alberto Cristiano de Freitas, Presidente da Congregação Batista em Pernambuco. “O  projeto agora veiculado diz  respeito apenas a essa parte e, como projeto, ainda está em análise”. Na mesma nota, o Pastor assegura que “nenhuma parte de qualquer área foi vendida” e que o colégio atualmente desenvolve “a estruturação de ações para dar continuidade dos trabalhos “ (educacionais). Afirma, ainda, que diante da pandemia está sendo elaborada toda uma “nova programação” que possa, inclusive, levar educação aos seus alunos em caráter remoto.

A obra, com certeza, despertará protestos em nome da preservação do tradicional bairro da Boa Vista. Como despertaram  polêmica o projeto imobiliário para o Cais José Estelita  e as chamadas Torres Gêmeas.  O primeiro só fez demolição, e o segundo barra com segurança privada a área “verde” que seria de uso público (e que dá a frente para a Bacia do Pina). Mas também é certeza que- pela sua concepção – o impacto deverá ser bem menor do que empreendimentos como o  anunciado e repudiado Atacado dos Presentes (no tradicional e bucólico Poço da Panela) e o já em execução Colégio Geo (em via estreita e já totalmente estrangulada, no bairro do Parnamirim). Ambos não levaram em conta questões como o valor histórico do primeiro e o estrangulamento das vias de acesso ao segundo. Vamos ver o que dizem os órgãos públicos e como a população deverá se comportar. Um lembrete: a via de acesso aos jardins do Pátio Americano com entrada pela Agamenon será só para pedestres. Vamos ver como a comunidade encara a intervenção na Boa Vista.

Leia também:
A polêmica do Atacado dos Presentes
Poço da Panela quer barrar Atacado dos Presentes
Poço da Panela: Plantio de árvores contra Atacado dos Presentes
O Poço da Panela resiste e faz protesto contra loja de materiais construção
Moradores rejeitam lojão no Poço da Panela
Protesto mobiliza Zona Norte
Abraço em praça será protesto
Lojão e colégio: Confusão na Zona Norte
GGE: “Amigos do Parnamirim cobram transparência e respeito às leis
GGE diz que fez a coisa certa
Cais José Estelita começa a virar pó
José Estelita: “A prefeitura devia ser ágil, também, no atendimento ao cidadão”
 Estelita: “Memória só serve para juntar lixo”

Texto: Letícia Lins / #OxeRecife
Fotos: Redes Sociais / Internet

Compartilhe

8 comentários

      1. Faz me rir, Derrubar não ! Certo e quantos desses cidadãozinhos ai cheios de nostalgia vão abrir seu bolsinho pra ajudar a manter a estrutura ? Nenhum. No mínimo vão querer empurrar pra o poder público bancar… só tem idiota. Derruba essa merda ! Geram emprego e outra , o shopping Boa Vista precisa ser desaturado . Ninguém vive de nostalgia não só museu é que vive.

  1. O Colégio São José está em plena atividade e no mesmo local, ao lado da Fafire. Informação incorreta. É bom corrigir a informação.

  2. Se o Governo federal investir em novas ferrovias vai gerar empregos , turismos e vai facilitar e melhorar o trânsito para milhares de Pernambucanos e nordestinos que vai vim visitar pernanbuco . Acorda pernanbuco e Recife já.

  3. O povo Pernambucano Recifenses quer novas ferrovias e modernização nos transportes públicos e isto os gestores e governadores não faz como deveria fazer . Fora PT PSB PCdoB PSOL e seus aliados já

  4. Acorda pernanbuco e Recife já. Quem contribui para manter políticos , partidos , gestores e funcionários públicos e o trabalhador e os investidores . Acorda pernanbuco e Recife já. Fora PT e seus aliados já.

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.