Boa Viagem é abandonada e quiosques são pilhados na pandemia

Estive na praia de Boa Viagem, para matar a saudade do sol, do mar, da areia. Fiz minha caminhada, mas não entrei na água, para não cometer nenhuma desobediência civil, porque o banho ainda  está proibido. Fiquei contente de ver a areia limpinha (o consumo de alimentos e bebidas está vetado), mas deu tristeza ver como o principal cartão postal da Zona Sul do Recife  está abandonado. Mais do que antes da pandemia, quando a limpeza e a manutenção dos seus equipamentos já deixavam a desejar.

Além de bancos degradados, há mais uma cena triste: os quiosques para venda de coco. Se antes da pandemia já vinham sofrendo ação de bandidos e vândalos, a situação agora está muito pior. O abandono chocou o fotógrafo Hans Von Manteuffel, que foi caminhar no calçadão e assustou-se com a degradação desses locais, tão disputados durante os dias de verão.  Há quiosques sem porta, sem janelas e até sem telhado, com aspecto fantasmagórico: sem vendedor, sem mercadoria, sem clientes, telhado rasgado. À noite, a maior parte fica no escuro. Uma situação muito triste de se observar. Parecem muito frágeis.

Ou será que o vandalismo é que é muito mais forte? Aliás, desde o início de sua construção, aquelas cobertas se revelaram impróprias para a beira-mar. E agora, a decadência é ainda maior. Tentei falar com a Associação de Vendedores de Coco da Orla de Boa Viagem, mas o telefone chamou e não atendeu. Queria saber da entidade um balanço sobre a situação dos quiosques, que mais parecem ter sido detonados em uma guerra e não que ficaram apenas fechados, por conta da pandemia. Os banheiros do calçadão também estavam fechados. Só não se sabe o motivo, já que o espaço e a praia voltaram a receber o público. Acorda prá Jesus, meu povo, que a eleição vem aí.

Leia também:
Boa Viagem e a “nova normalidade”
Boa Viagem abre amanhã, mas sem cadeiras na areia nem banho de mar
Mais restrições, sem praia, sem parque sem lojas
Sem praia nem parque até 30 de abril
Boa Viagem ainda deserta, sem direito a banho de mar nem calçadão
Coronavírus, praia e nascer do sul
Porto de Galinhas: Hotéis se preparam para abrir no segundo semestre
Abertura gradual de hotéis em Porto de Galinhas começa no dia 26/6
Boa Viagem ganha  exposição de fotos
Boa Viagem terá bancos novos
Boa Viagem: risco de acidentes em bancos degradados à beira- mar
Boa Viagem tem esgoto na areia
Boa Viagem tem exposição de fotos
Plásticos poluem Boa Viagem
Boa Viagem: asfalto agora tem dono
Boa Viagem está limpa?
Ação contra a exploração em Boa Viagem

Texto: Letícia Lins / #OxeRecife
Fotos: Letícia Lins (maior) e Hans Von Manteuffel (as duas menores, cortesia)

Compartilhe

2 comentários

  1. Bom dia, meu nome é petrius Raphael Barsotti, sou da associação dos quiosques de boa viagem “ABCR”, representado por Josi Miranda.
    Bom venho aqui agradecer a matéria e deixar o meu número caso queira entrar em contato, 996544110!
    Verdade que boa viagem está abandonada com tudo que esta acontecendo, mais novidades viram este ano!

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.