São João da pandemia e da resistência

Sem festa de rua, sem fogos mas com barulho. Ou melhor, com música junina, seja virtual ou da Forrovioca. Vai ser assim a segunda maior festa popular do Recife, em 2020. Pela primeira vez em sua história, a cidade não terá arraiais, fogueiras nem quadrilhas no São João. Mas para a tristeza não ser maior, nesses tempos de pandemia, duas forroviocas circularão pela cidade, nos dias 23, 24, 26, 27, 28 e 29. Elas percorrerão diversos bairros, levando ao todo 45 atrações. Serão quatro shows por noite, segundo informou a Prefeitura.

As forroviocas seguirão o mesmo modelo de “animação” realizado no Dia das Mães pela Frevioca. Mesmo sem concentração de rua, o São João 2019 já tem seus homenageados: Josildo Sá acima) e Silvério Pessoa (foto central). Falar em cantores e forrozeiros, os artistas que queiram fazer apresentações (a maior parte em lives), têm até o dia 15 de junho para realizar sua inscrição pelo edital de credenciamento. Os cachês que variam de R$ 2,4 mil e R$ 10 mil. Se o pagamento não atrasar, como sempre ocorre, já é um alento para quem está parado, devido ao avanço da Covid-19. As inscrições podem ser feitas em www.culturarecife.com.br. Um lembrete: Devido às dificuldades criadas pela pandemia, só serão selecionados cantores e músicos que foram jurídica e artisticamente habilitados para o São João do ano passado.

Josildo Sá e Silvério Pessoa são os homenageados do São João ,que terá forroviocas e programação virtual.

Cada artista só terá direito a uma apresentação. Haverá lives, inclusive com quadrilheiros que, devido à pandemia, não poderão levar seus grupos para apresentações coletivas.  Oportunamente, o #OxeRecife detalha a programação. Na verdade, a festa para Santo Antônio, São João e São Pedro será também virtual. Aliás, mais virtual. Até o dia 29, serão compartilhadas mais de 378 apresentações pela internet. Destas, 370 serão gravadas pelos artistas de suas próprias casas para garantir a celebração junina no arraial de cada qual, permitindo que o público faça a festa em casa, no dia e na hora que escolher.

Além disso, nos dias 23 e 29, que protagonizam o ciclo junino, haverá transmissão de oito shows de grandes artistas diretamente do Sítio Trindade, endereço cativo dos festejos de São João na cidade.  Pena que esse ano não poderemos acompanhar a belíssima Procissão dos Santos Juninos, uma das manifestações mais bonitas do São João de Pernambuco, cujo cortejo vai do Morro da Conceição ao Sítio Trindade, ambos em Casa Amarela. O concurso Eu Amo minha Rua – que contempla com premiação bandas de forró pé-de-serra – as ruas com melhor decoração, ganha versão coronavírus, em 2020. É que se transformará em uma ação Eu Amo Minha Janela. Uma grande empresa de fabricação de cerveja doará bandeirolas juninas para as artérias que costumam caprichar na decoração em festas entre 2013 e 2018.

Leia também:
Procissão dos Santos Juninos
Acorda Povo em Campo Grande
Dia de procissão dos santos juninos
Linda, procissão das bandeiras é sábado
Capelinha de melão é de São João
Santo Antônio: casamenteiro, soldado, tenente e vereador cassado
A língua incorrupta de Santo Antônio
Forró no Sítio, Poço e Pátio de São Pedro
Quadrilha: luxo, brilho e resultados
Ecos do São João no Ibura

Redes sociais da Prefeitura do Recife:
YouTube: https://www.youtube.com/user/prefrecife
Facebook: https://www.facebook.com/prefeituradorecife/
Instagram: https://www.instagram.com/prefeiturarecife/

Texto: Letícia Lins / #OxeRecife
Fotos: Andréa Rego Barros / Divulgação / PCR

Compartilhe

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.