Boa Viagem ainda mais deserta, sem direito a banho de mar nem calçadão

Anunciada no final da semana passada, com  previsão de ter se encerrado nessa segunda-feira (6/4), a interdição de praias e parques de Pernambuco foi prorrogada.  O Governador Paulo Câmara (PSB) anunciou à noite que a proibição se estende por mais oito dias, para evitar a disseminação do contágio pelo novo coronavírus. Dessa vez, foi proibido também o acesso aos calçadões.

A proibição é válida para todo o estado. Portanto, fica vetado o acesso a calçadões como os da Avenida Boa Viagem – à beira mar, na praia do mesmo nome – assim como aqueles localizados em cidades como Jaboatão dos Guararapes e Olinda. No sábado e no domingo, o acesso às  praias foi proibido, inclusive com bloqueios nas avenidas, impedindo estacionamento. As novas restrições em Boa Viagem têm sua razão de ser, já que – no Recife – é o maior com maior número de pessoas infectadas (27).

Tudo para evitar concentração de pessoas na  praia, e impedir  contaminação pelo coronavírus.  Em Pernambuco, estão proibidas aglomerações com grupos de pessoas em número superior a dez. Enquanto os parques fecharam, inclusive com policiamento, nas praias, teve gente que ainda arriscou um banho de mar, ou andou pela praia, tendo recebido “convites” para sair dos locais, pela Polícia Militar ou Corpo de Bombeiros.

No calçadão, no entanto, o movimento foi intenso. Havia muitas pessoas fazendo o cooper ou caminhando, tanto no sábado quanto no domingo, o que não é aconselhável pelas autoridades sanitárias. Praia, banho de mar, calçadão estão suspensos por mais oito dias.  Dependendo do comportamento da pandemia, o período de proibição pode até esticar. Vamos torcer pela normalização das nossas vidas. Saúde acima de tudo! Essa é, hoje, a prioridade número um.

Leia também:
Corona: Cadê a distância necessária?
Corona: Cuidado com o pão nosso
Coronavírus: ronda policial fiscaliza parques
Noronha entra em quarentena
Coronavírus: praias e parques fechados no final de semana
Coronavírus e a rede de solidariedade
Corona: Vem álcool 70 por cento por aí
Prorrogado pagamento de ISS no Recife
Pandemia: Prefeitura revê contratos
Pandemia: Lar do Nenen precisa de ajuda
Pandemia: Plaza Shopping muda marca
Fecham a partir de sábado: shopping centers, 
Pandemia: Conselho Regional de Química produz álcool
Aglomerações só com dez pessoas? Decreto não vale para a CEF 
Pandemia: máscaras ecológicas
Coronavírus e o espírito solidário
Grupo Moura: das baterias à fabricação de máscaras contra o coronavírus
Coronavírus já matou três em PE
Bia: Remédio contra o confinamento
Cientistas contestam Bolsonaro
Voltar à normalidade, como? “Gripezinha”, resfriadinho ou genocídio?
Pandemia mexe até com os bichinhos
Magiluth busca estratégia de sobrevivência
Após reclamações, cestas básicas para 90 mil alunos
Pandemia: pensar no coletivo é preciso
Novos leitos, 35 casos e repartições com atendimento remoto
PE, coronavírus: 33 casos e três curados
Sem festa, mas com cachê garantido
Pernambuco tem a primeira cura do coronavírus
Comércio, serviço e construção vão parar
Governo de Pernambuco inicia embarque de turistas de navio retido
Fecham a partir de sábado: shopping centers, bares, salões de beleza, etc
Cultura roída pelo coronavírus
Câmara quer suspender cortes de água e luz
Questionada a merenda do coronavírus
Coronavírus traz fantasma da fome
Pandemia: Igreja em quarentena
Aulas suspensas a partir de 18/3
Coronavírus: sete casos em Pernambuco e povo sem direito a futebol em campo
Recife quase parando devido ao corona
Brasil, Recife, pandemia e eventos
Corona vírus, fantasia e polícia
Colabore com o Fazendo Acontecer
Nóis sofre mais… nóis goza
Nóis sofre mais nóis goza é só folia
Ciclofaixa de lazer está suspensa

Texto: Letícia Lins / #OxeRecife
Foto: WhatsApp 

Compartilhe

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.