Maceió iluminou a orla. E o Recife?

Enquanto Boa Viagem – a principal praia do Recife e um dos seus principais cartões postais – ficou no escuro durante o Ciclo Natalino, a orla de Maceió chamou a atenção de alagoanos e turistas. Até os coqueiros, sempre associados a paisagens paradisíacas, ganharam iluminação especial tal qual ocorreu com o Morro do Cristo, na Barra, em Salvador.

Não viajei a Alagoas no período, mas recebi dezenas de fotografias de pessoas que residem ou viajaram para aquele estado e que elogiaram a decoração de final de ano, comparando inclusive com a do Recife que, sinceramente, foi muito criticada pela população, a julgar por comentários nos jornais locais e também em mensagens enviadas ao #OxeRecife. Em Maceió,  tinha de tudo: árvores coloridas (foto ao lado), trenós, personagens típicos do Natal, todos confeccionados com luzes. Muitas luzes.  No Recife, a Prefeitura já informou que tem outras prioridades, e que a situação dos cofres públicos não permitiu esbanjar nas festas de fim de ano. Ao contrário do carnaval, não há patrocínios, pelo que se observa.

Mas nas outras cidades do Nordeste, também não havia propaganda de marcas de cerveja, refrigerantes, como ocorre no carnaval. Mas mesmo assim, a decoração agradou nativos e visitantes. Pelo menos em Salvador e Maceió. Não foi tão tímida quanto as ruas e praças do nosso Recife querido, que quase passam o ciclo natalino às escura. E se em Salvador, túnel de luzes na Praça do Campo Grande (Largo 2 de julho) virou uma festa, com as luzes em sincronia com o Hino do Senhor do Bonfim, em Maceió, um túnel, também de luzes terminou se transformando em atração turística (foto à direita). “Verdade, a orla de Maceió estava linda, assim como de outras capitais”, afirma Soly Andrade Wanderley, recifense que tem parentes em Alagoas.

Havia decoração na Praia da Avenida, na Ponta Verde, na Jacarecica, na Praça do Gogó da Ema, ao contrário de Boa Viagem, no Recife, que não recebeu luzes extras nem na desta de réveillon. “Acabei de passar pela Praça do Diário (da Independência), e estava tudo no escuro”, reclama Ednando Barros da Silva, sobre a falta de iluminação de áreas do centro dentro e fora do período de festas de final de ano. “Faz tempo que o Recife não tem nada que chame a atenção”, completa Lupércio Júnior, referindo-se à decoração natalina quase inexistente. “Um fracasso”, dispara a leitora Iracildade Alapenha. “A decoração natalina do Recife foi paupérrima”, reforça o leitor Geovane Nunes.

Alguns elogiaram a cidade de Garanhuns – no Agreste – que tem atraído multidões de turistas na época. Com iluminação quase zerada, decoração pobre, o Recife, se não teve luzes, pelo menos, para compensar, contou com um grande espetáculo como O Baile do Menino Deus. Também foi armado um palco na Praça do Arsenal, onde houve apresentação de pastoris tradicionais, profanos e até encontro de “véios”, figuras em extinção na cultura popular do Nordeste. Pena que o local não chamava a atenção, porque a iluminação estava mais para beco escuro do que para período de festa, com as apresentações passando quase despercebidas pelo grande público.

Leia também:
Decoração natalina do Recife perdeu para outras capitais do Nordeste
Natal é luz, mas no Recife…
Dupla inseparável: Xaveco e Carmem
Grande encontro de véios de pastoril
Bandeira do Divino no Santa Isabel
Véio Mangaba vira palhaço insone
Período natalino mas com forrobodó
Veja o que vai rolar na virada do ano
Feliz Natal com a alegria dos pastoris 
Chuveiros natalinos em Boa Viagem
Capibaribe tem remada das luzes
Natal é luz. Mas no Recife…
Olha! Recife: Natal no rio e no asfalto
Cantata natalina no Recife Antigo
“O Náutico está no sangue: os glóbulos são vermelhos e brancos”
Eu Amo o Natal: inscrições abertas
Ganhe um réveillon de graça com orquestra e tudo
Saiu o resultado do Eu Amo o Natal
Atenção, brincantes do Ciclo Natalino
Queima da Lapinha é domingo. Vamos?
Um Natal por um Recife mais feliz
Natal para sempre no Santana
Natal Cultural, Baile do Menino Deus e Natal para Sempre
Natal Cultural com Beatles e Cordel
As lembranças do Natal em fotos
Luzes da Cidade no Olha! Recife
Que tal dar artesanato de Natal?
Presentes de Natal baratinhos
Garotada que faz bonito no Natal
Feliz Natal, Recife
Pastoris fazem  a festa no Recife
Pastoril é sonho de infância e razão de viver de Dona Lourdes
Queima da Lapinha no Dia de Reis
Pastoril e frevo na Queima da Lapinha
Pastoris fazem cortejo
Véio Mangaba no Santa Isabel
Cantada com frevo de bloco na Várzea
Fábrica de brinquedos do Noel Festa de arromba na Vila 7
Roteiro natalino em BRT iluminado
Olha! Recife no BRT Cais do Sertão
É sempre tempo de reisado no Sertão

Texto: Letícia Lins / #OxeRecife
Fotos do leitor/ Via WhatsApp

Compartilhe

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.