Frevo de Bloco no Bairro do Recife

Qual é o pernambucano que não gosta de frevo de bloco?  Nas ruas da nossa cidade, não passa um bloco movido a orquestra de pau e corda, que não arraste uma multidão. No carnaval do Recife tem até um dia dedicado a essas agremiações, que sustentam a memória dos carnavais passados: a segunda-feira. E elas fazem o maior sucesso. Estão aí o Bloco da Saudade, o Bloco das Flores, o das Ilusões, o Cordas e Retalhos, o Flor de Eucalipto, que não deixam mentir.

O Bloco da Saudade é apenas o mais famoso e atuante deles. E é um dos responsáveis pelo boom dos blocos líricos, que pipocaram nos últimos 40 anos no Recife. E o frevo de bloco tem o seu dia. Criado em 1º de novembro de 2004 – quando se comemorou o centenário de nascimento do grande músico e compositor recifense Edgard Moraes – o Dia do Frevo de Bloco será celebrado no domingo (3/11). Em sua 16º edição, o encontro será integrado ao Arrastão do Frevo, programação regular do museu Paço do Frevo, que bota co cortejo nas ruas.

A concentração ocorre às 15h30, no Marco Zero, com saída às 16h em direção à Praça do Arsenal. Ao fim do percurso, o público será recebido com um show do Coral Edgard Moraes, anfitrião do encontro, em frente ao Paço. Desde 2004, a comunidade do frevo – representada por músicos, compositores, dançarinos, artesãos, foliões e membros de agremiações – se reúne anualmente para comemorar a data com um Encontro de Blocos Líricos.

Quem quiser se antecipar para conhecer melhor o nosso ritmo, o Paço do Frevo vai funcionar normalmente no sábado, Dia de Finados. O Paço funciona diariamente, à exceção da segunda-feira.  De  terça a sexta, no horário de 9h às 17h. No sábado e no domingo, ele abre de 14h às 18h, sendo que a última entrada ocorre até 30 minutos antes do encerramento das atividades do museu). Os preços vão de R$ 5 (meia) a R$ 10 (inteira). Endereço: Praça do Arsenal da Marinha, s/nº, Bairro do Recife. Informações: 3355-9500 e http://www.pacodofrevo.org.br/programacao

Leia também:
Flabelos fazem carnaval à antiga
Banda Sinfônica: Frevo, MPB e tango
Aurora dos Carnavais na Rua da Aurora
Paço do Frevo: 500 mil visitantes
“O frevo mexe com tudo” no Paço
Paço do Frevo e o Homem da Meia Noite animam o Bairro do Recife no domingo
Elefante no Paço do Frevo em janeiro
Paço do Frevo gratuito no fim do ano
Paço do frevo debate presente e futuro
Paço do Frevo: Cem por cento mulher

Texto: Letícia Lins / #OxeRecife
Foto: Clélio Tomaz /Divulgação / Paço do Frevo

Compartilhe

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.