Sindrome de Down: “Despertando talentos”

Educador social e diretor premiado de cinema, Alex Duarte vem ao Recife  para realizar  oficina para jovens com  deficiência intelectual,  a Despertando talentos, na quarta-feira (30/10). No dia seguinte, participa do I Seminário Nordeste Vida Adulta na T21-autonomia. Os eventos são promovidos pela Associação de Pais e Amigos de Pessoas com Síndrome de Down (ASPAD) e  pela diretoria regional Nordeste da Federação Brasileira das Associações de Síndrome de   Down.

As inscrições para o Seminário podem ser feitas através do link www.sympla.com.br, ao valor R$ 50,00,  restando algumas vagas gratuitas para pessoas com deficiência. Os eventos acontecerão no Home Center da Ferreira Costa da Tamarineira, no horário das 8h30 às 17h30. Além da palestra, Alex exibirá o documentário Expedição 21 e lançará seu terceiro livro: Como empoderar pessoas com deficiência, que faz parte da sua recente pesquisa sobre a autonomia das PcDs.

Livro e documentário foram  inspirados na Primeira Imersão de Pessoas com Síndrome de Down da América Latina, criada por Alex Duarte e intitulada Expedição 21, onde 18 jovens com Síndrome de Down participaram de uma espécie de “reality show”,  em uma casa. A residência fica em Florianópolis. E eles ficaram longe dos pais,  por quatro dias, com o intuito de desenvolver habilidades, aprender a morar sozinho,  ter mais autonomia. Os resultados serão transformados em uma pesquisa de cunho científico, pelo neurocientista Dr Fernando Pinto Gomes, com o objetivo de mostrar como a interação com o meio positivo pode melhorar o aprendizado e auto- estima de pessoas com deficiência intelectual.

O Seminário que acontece no dia 31 terá, também, como palestrantes: Maria Tereza Antunes (Presidente da Aspad, que fará a abertura). E ainda: médica ginecologista Juliana Schetinni, o psicólogo Alexandre Magno e o advogado Rafael Vieira de Azevedo, que abordarão, respectivamente: climatério e Síndrome de Down, sexualidade: caminhos a percorrer e a capacidade civil da pessoa com deficiência. Os eventos têm o patrocínio da Educação Especial Lidiere Barros, e apoio do  Instituto Futuro 21,  Ramada hotéis e suítes, Prefeitura do Recife, Ferreira Costa,  grupo Fazendo Acontecer, Chocolates Brasil Cacau e Gráfica Modus.

Leia também:
Cultura inclusiva em curso gratuito
Com o coração se faz uma canção
Síndrome de Down: Expedição 21
Portadores de Down ganham curso de jornalismo em PE
Saga de Bruno em cordel
Festa inclusiva no Parque da Jaqueira
Com respeito construímos a igualdade
Bruno, exemplo a ser seguido
Bruno, exemplo para todos
Encontro na estrada: passeio inclusivo

Texto:  Letícia Lins / #OxeRecife
Foto: Divulgação

Compartilhe

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.