Protesto mobiliza Zona Norte

Moradores da Zona Norte, liderados pelo grupo Amigos do Parnamirim, ocuparam hoje a Praça Lula Cabral de Melo, para protestar contra a chegada de empreendimentos de grande porte ao bairro, sem que a população tenha sido consultada. O alvo é o colégio GGE, que vem construindo uma unidade na Rua Desembargador Góis Cavalcanti e que não estaria seguindo os critérios estabelecidos na Lei dos 12 Bairros, que impõe uma série de restrições à construções que posam provocar impacto a localidades como Casa Forte, Parnamirim, Poço da Panela.

No Poço, aliás, há uma outra polêmica, que é a implantação de um lojão do Atacado da Construção, que é repudiado por grande parte dos moradores, já que poderá descaracterizar o bucólico e histórico bairro.  O Atacado deverá movimentar entre mil a 1 mil automóveis por dia. Para os moradores do Poço, não há estrutura suficiente para o tráfego desse porte na já congestionada Avenida Dezessete de Agosto, e ruas perpendiculares, todas estreitas e curtas.

No caso do GGE, os Amigos do Parnamirim acusam a Prefeitura e o Colégio de ter iniciado a construção em surdina, e informam que os moradores só tomaram conhecimento de que era um colégio, depois que o prédio já estava sendo levantado.  Ele deverá receber mais de mil alunos, e as medidas compensatórias são consideradas insuficientes pela vizinhança. Eles dizem que aquela via é uma das mais estranguladas da Zona Norte. Ele terá uma entrada pela Abraham Lincoln, que também é curta e estreita, e onde os esgotos vivem estourados.  O colégio terá mais de mil 2000 alunos. E a população acha que ele impactará a vida de mais de 30 mil pessoas.

Leia também:
Abraço em Praça será protesto

CCE: “Amigos do Parnamirim” cobram transparência e respeito às leis

Lojão e colégio: confusão na Zona Norte
E o pedestre, como é que fica?
Parem de derrubar árvores (134)
Da árvore só restou o pó de serra
Moradores rejeitam lojão no Poço

O Poço da Panela resiste
Poço da Panela: plantio de árvores contra Atacado dos Presentes

História do Jardim Secreto para Crianças
Gentilezas urbanas do outro lado do rio
Primeiro transplante urbano é no Jardim Secreto
Arboricídio mobiliza Câmara Municipal
Lei para conter o arboricídio

Foto: Amigos do Parnamirim / Cortesia

Compartilhe

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.