Marsenal tem “Doutores da Alegria”

Além do belo trabalho que fazem em hospitais – levando alegria e palhaçadas às enfermarias – os Doutores da Alegria, vez por outra, estendem o bom humor aos palcos e ruas. É o que acontece na noite da quinta-feira (10/10), quando os palhacinhos deixarão de lado as batas brancas para contar “causos” que vivenciam nos hospitais.

E eles são muitos, todos marcados por histórias de dor, sofrimento, esperança na cura de uma doença, mas também por momentos de descontração com música, violão e outros instrumentos musicais que contribuem para amenizar o ambiente sombrio dos corredores por onde transitam médicos, enfermeiros, instrumentos cirúrgicos, macas.

Quinta, a partir das 19h, os Doutores da Alegria se integram ao Movimento Marsenal, que faz teatro de resistência. O encontro marcado é sempre às quintas, no Bar Teatro Mamulengo, que fica na Rua da Guia (de frente par a Praça do Arsenal). As apresentações são sempre gratuitas, embora os  artistas passem o chapéu, no melhor estilo do espetáculo mambembe ou de rua. No mês passado, participei de uma sessão de contação de histórias dos Doutores da Alegria.

O encontro foi na Biblioteca Pública de Pernambuco. Vale a pena. São causos ótimos. E,como sempre, “são histórias engraçadas, emocionadas ou até um pouco tristes, mas que revelam a delicadeza e a disponibilidade do palhaço, no encontro com o público nos hospitais”, como costumam ressaltar, os Doutores da Alegria. Depois, haverá microfone aberto para quem quiser contar histórias e DJ para animar as já animadas noites das quintas, em frente à Praça do Arsenal. Quem avisa é Ana Nogueira, integrante do Grupo Violetas da Aurora, palhacinha e uma das articuladoras do Marsenal.

Leia também:
Marsenal tem leilão
Violetas da Aurora em mesa de glosas
As palhaçadas das “Violetas da Aurora”
Bernarda Soledade no Cais do Sertão
Projeto Fábrica discute a violência no Teatro Apolo com #Urbana
Bonecos fazem a festa em Casa Forte
Virada Cultural pelo Teatro do Parque
Educativo, Teatro Móvel chega ao Recife
Teatro de graça em Camaragibe
Circuito dos baobás na bobociclismo

Saia de bike com os Doutores da  Alegria 
Colabore com os Doutores da Alegria
Doutores da Alegria contam causos 
Os quinze anos dos Doutores da Alegria
O semeador de baobás 
Saia de bike com os Doutores da Alegria 

Texto: Letícia Lins / #OxeRecife
Foto: Léo Caldas /Divulgação / Arquivo #OxeRecife

Compartilhe

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.