Parem de derrubar árvores (179)

O #OxeRecife aplaude iniciativas como a Maratona Verde, que prevê o plantio de 10000 árvores no Recife, durante a Semana do Meio Ambiente. Porém gostaria que boa parte da implantação dessas mudas ocorresse em áreas por onde passou a motosserra insana. Não são poucas, as árvores eliminadas da nossa paisagem que permanecem sem reposição. Em algumas calçadas, os canteiros foram fechados com cimento. Em outros, restaram os  troncos guilhotinados, como esse da foto. E as marcas do arboricídio não cessam de aparecer em avenidas, praças e jardins.

Esse tronco degolado fica na Rua Júlio Rocha, em frente ao número 181, bem pertinho da BR 101. Avistei-o no último domingo, quando retornava da Zona Sul, após uma manhã de praia em Boa Viagem. Como é comum no Recife, nenhuma árvore foi plantada no local, para substituir a erradicada. Em todo caso, nem tudo está perdido. Vamos esperar que as mudas que vêm sendo plantadas na Maratona Verde realmente cresçam, não sejam atacadas por vândalos e que a população as adote, até porque cuidar das nossas árvores chega a ser o forte da gestão municipal.

De acordo com a Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade, até o momento já foram plantadas 1.500 mudas em escolas, hospitais e avenidas do Recife., sendo a maior quantidade até o momento, aquela destinada ao Hospital Pelópidas Silveira, que recebeu 600 mudas. Nessa quarta-feira (5), Dia Mundial do Meio Ambiente, a Prefeitura, em parceria com a Diretoria de Gestão Ambiental da UFPE, vai plantar mil mudas de árvores na nascente do Riacho do Cavouco, Zona Oeste.

A Maratona Verde continua ao longo da semana contemplando mais de 20 pontos na cidade. Locais como Avenida dos Funcionários; Praça da Avenida Maurício de Nassau; Parque da Macaxeira; Parque Apipucos; Praça Ulisses Leon de Oliveira; Parque Caiara; Parque Santana e o Parque Santos Dumont, dentre outros irão receber o plantio de mudas. O projeto utiliza mudas de grande, médio e pequeno portes, atendendo às especificações existentes no manual de arborização da Prefeitura. O objetivo é que as árvores favoreçam a oferta de sombras, combatendo as ilhas de calor na cidade. Aqui no #OxeRecife, nossa campanha  #ParemDeDerrubarÁrvores chega à marca de 300 registros de árvores eliminadas da paisagem do Recife, onde só nos três primeiros anos de gestão,5 mil já haviam “voado”. De lá para cá, os números das erradicações viraram uma caixa preta. Ninguém sabe, ninguém viu quantas se foram.

Leia também:
Recife ficará mais verde até 2021
Não matem nossas árvores 
Maratona verde já começou
Entre o arboricídio e a maratona Verde
Vem aí a Maratona Verde, com 10.000 árvores para o Recife do arboricídio
A festa dos ipês no Recife e no Pará

Texto e foto: Letícia Lins / #OxeRecife

Compartilhe

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.