Concerto de música barroca no Palácio

Quem gosta da boa música tem presença certa no próximo domingo (dia 5/5) no Palácio do Campo das Princesas, sede do governo estadual, quando o Programa Música no Palácio apresenta o espetáculo Barroquíssimo. O concerto será comandado pelo Quarteto Encore, e terá a soprano Juliana Cumaru e a mezzo soprano Virgína Cavalcanti como convidadas.  A apresentação tem início às 10h  e é gratuita. A iniciativa é do Conservatório Pernambucano de Música, cuja direção não mede esforços para democratizar o acesso à música de boa qualidade no Recife.

Quarteto Encore – do qual eu tenho um belíssimo Cd (Mosaicos) – foi criado em 2009, a partir da amizade entre quatro músicos. Eles se uniram em busca da excelência na música de câmara sem excluir o prazer de tocarem juntos. O grupo é formado por Carlos Santos (primeiro violino), Rafaela Fonsêca (segundo violino), Laila Campelo (viola) e Fabiano Menezes (violoncelo). E vem conquistando o seu espaço no cenário musical de Pernambuco tendo como principais características a versatilidade e qualidade musical.   Quarteto foi vencedor do 27º Prêmio da Música Brasileira, na categoria Melhor Álbum de Música Regional, com o espetáculo Cordas, Gonzaga e afins, com Elba Ramalho e o SaGrama, além de ser indicado ao Latin Grammy 2016 com o mesmo trabalho.   

repertório do concerto traz obras instrumentais do período barroco, de compositores como C. Maria VeracinniJ.S.Bach e W. GluckAs composições Fuga Veracini, Concerto em Ré, Chorale Prelude e Pizzicato serão apresentadas pelo quarteto de cordas, enquanto as faixas Quia respexit e Ichi folge terão a participação da soprano. Já a mezzo-soprano faz solo nas composições Ária Bach e Ária Orfeo. O Concerto Vivaldi conta com o músico Roberto Dutra no flautino. 

O Música no Palácio foi criado em 2015, em comemoração aos 85 anos do Conservatório Pernambucano de Música, escola de música vinculada à Secretaria de Educação de Pernambuco. A ideia era realizar pequenas apresentações musicais, um domingo por mês, no hall de entrada do Palácio do Campo das Princesas. Em em seguida, as pessoas teriam a oportunidade de aproveitar a visita guiada para conhecer a bela arquitetura da sede do Governo do Estado.   Quatro anos depois do seu inícioo projeto se firmou como parte do calendário de eventos da cidade. A população ganhou um novo espaço musical, onde é possível apreciar a boa música.  Alguns grupos de caminhadas – como os MeninXs na Rua aos marcaram como ponto final do roteiro a Praça da República. Para fechar o percurso com música,claro.

Um lembrete, o mesmo domingo também é dia de Música na Igreja, projeto patrocinado pela Prefeitura. A atração é o Quarteto Vivace, formado por jovens músicos da Orquestra Criança Cidadã. A apresentação que normalmente ocorre à tarde, na Igreja da Madre de Deus, no Recife Antigo., mudou de lugar e horário.  Dessa vez ela será na Igreja de Nossa Senhora de Fátima, que fica na Rua Oliveira Lima, no Bairro da Soledade. O horário também muda: 11h da manhã. E´uma pena que os dois concertos fiquem em horários tão próximos. No mês passado, por exemplo, estive de manhã no Palácio e à tarde, na Igreja da Madre de Deus.

Leia também:
Música no Palácio: do chorinho ao frevo
Música no Palácio bombou hoje
Programa nota 10 me custou só R$ 2 
Pernambuco é meu canto bombou
Saudosismo dos musicais lota Palácio

Serviço:
O quê: Projeto Música no Palácio

Quem: Quarteto Encore e convidados
Quando: Domingo, 5 de maio, às 10h
Onde: hall de entrada do Palácio do Campo das Princesas (Praça da República, s/n, Santo Antônio). Evento aberto ao público. 

Serviço:
O quê: Projeto Música na Igreja
Quem: Quarteto Vivace, formado por meninos da Orquestra Criança Cidadã
Quando: Domingo, 5 de Maio, 11h
Onde: Igreja Nossa Senhora de Fátima, Rua Oliveira Lima, Soledade
Evento gratuito

Texto: Letícia Lins / #OxeRecife
Foto: Divulgação/ CPM

Compartilhe

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.