“Frevo e forró são como feijão e arroz, não vivo sem os dois”

Figurinha tarimbada nas grandes festas de Pernambuco e com três décadas de carreira, o cantor Ed Carlos recebe homenagem às 18h dessa quarta-feira (20), na Assembleia Legislativa. Quem é o responsável pela proposta é deputado Antônio Moraes (PSDB), que dedica boa parte do seu trabalho naquela casa à defesa da cultura pernambucana.

A história do artista Ed Carlos teve início em 1989, quando foi premiado como o cantor revelação do Frevança, onde recebeu como premio a sombrinha de prata. A partir disso, a vida do cantor discreto e pouco conhecido deu uma verdadeira reviravolta. Tido como umdos melhores intérpretes da cultura de Pernambuco, Ed Carlos já chegou a ser reconhecido pelo Rankbrasil (Guinness Brasileiro) como o artista que mais gravou e interpretou frevos no país.

Pernambucano do Recife, Ed Carlos sempre teve entre suas influencias a diversidade de ritmos de nossa região, como: frevo, forró, coco, ciranda e maracatu, o que lhe fez criar o seu próprio bordão: “O Frevo e forró na minha vida é como feijão e arroz eu não vivo sem os dois”. Ele já levou o som de Pernambuco não só a outros estados do Brasil como também ao exterior. E acumula prêmios como os dos festivais Frevança, Canta Nordeste e Recifrevoé.

Leia também:
Dupla divina: Marisa Monte e Paulinho
O Pirata José, de Bia e Alceu
Trio segue caminho de pais famosos
Todo sonho novo é madrugada
Aglaia Costa: passeio de rabeca entre o popular e o erudito

Texto: Letícia Lins / #OxeRecife

Compartilhe

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.