Poço das Artes: sanfona, viola e violão

Cada dia mais conhecido por conta da oferta de música da melhor qualidade, o Poço das Artes abre o ano de 2019 com um novo projeto: o Desdobrado Trio, que une viola de arco, sanfona e violão sete cordas. O repertório é autoral, mas inclui choros e forrós.

E quem assume os instrumentos são: Raquel Paz (viola), Karoline Maciel (sanfona) e Bruno Nascimento (violão). É na noite dessa sexta-feira (4), a partir das 20h, no Poço das Artes, comandado pela artista plástica Clarissa Garcia. E há quatro convidados: Isadora Melo, Rafael Marques, Cláudio Rabeca e Laís de Assis.

O Poço das Artes fica na Rua Álvaro Macedo, 54, no Poço da Panela, Zona Norte do Recife. O ingresso é R$ 15. Bagagem os jovens possuem. Raquel iniciou os estudos musicais aos nove. Em 2014, ingressou no Centro de Criatividade Musical. Em 2015, ingressou na Ufpe. Já participou de vários festivais, incluindo o de Verão Round Top 2017, no Texas. Em 2018, foi semifinalista do Prelúdio 2018, concurso de música clássica da TV Cultura.

Karoline Maciel começou ainda mais cedo, aos sete. Acaba de se formar em acordeom, pelo Conservatório Pernambucano e Música, e tem um CD solo, com participação de Dominguinhos (1941-2013). Bruno integra o movimento de choro no Recife, e já participou de vários workshops do gênero no Brasil. Estuda arranjo e composição, e participa de projetos onde toca frevo, forró, regional, choro e outras vertentes musicais.

Leia também:
Música sem fronteiras no Poço das Artes
Dorival Caymmi, amor e mar no Poço
Geraldo Maia, voz e violão no Poço
Pérolas para Jobim no Poço da Panela

Texto: Letícia Lins/ #OxeRecife
Foto: Divulgação

Compartilhe

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *