“É preciso arrancar as folhas antigas”

Pelo jeito, a plantinha é complicada. De acordo com o meu amigo Fábio Cabral de Melo (Passa Disco) – que é amante das árvores, das flores e de todas as plantas, como eu – houve um equívoco, de minha parte, com relação à postagem  Parem de derrubar árvores (141). Nela, são mostrados dois tocos, em uma calçada de rua arborizada, no Poço da Panela.

Fábio explica: “A poda dessa planta está certa. Depois de um certo tempo, é preciso arrancar todas as folhas antigas, para que nasçam as novas. Fazer isso é acelerar o surgimento de novas folhas”, diz o meu amigo que durante bom tempo dividiu-se entre a música e a área de consultoria e execução de jardins, setor do qual não consegue desligar.

Segundo Fábio Cabral de Melo, esses caules da planta vão brotar outra vez. “A poda está correta”. Ainda bem

Fábio inclusive cuida das plantas do condomínio onde reside, e também cultiva algumas que comercializa na sua Passa Disco, no Bairro do Espinheiro.  Obrigada, Fábio, pela explicação. É que a gente vê tanto “tamborete” de árvores nas ruas, que o #OxeRecife fica já de olho. Esclarecido, pois o equívoco e peço desculpa aos leitores.

Agradeço a  Fábio pela foto da espécie em questão que ele me enviou., e que eu julgava ser uma palmeira. Não é. A planta, por sinal, é linda. Os nomes populares são: cica, palmeira-cica, palmeira-sagu. “Apesar do nome e do aspecto, ela não apresenta parentesco com palmeira nem com samambaia. Pertence à Cicadaceae, uma família de plantas com características pré-históricas”. Quem entende é outra coisa.. Fábio acompanha a peregrinação aqui do #OxeRecife contra podas radicais que terminam contribuindo para o arboricídio registrado nas ruas do Recife.

Leia também:
Parem de derrubar  árvores (141)
Resistência: não ao arboricídio
App ajuda a monitorar árvores
Recife ganha aplicativo Arborize
Recife: 4000 novas  árvores em 2018? 

Texto e foto: Letícia Lins / #OxeRecife

Compartilhe

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.