Colabore com os Doutores da Alegria

A organização todo mundo conhece. Mas são aqueles, que sabem como é o clima de hospital  que podem melhor testemunhar sobre a importância dos Doutores da Alegria. Com suas roupas de palhaço, instrumentos musicais e distribuindo sorrisos, são eles que minoram o sofrimento de pacientes, em convivência diária com seringas, exames, medicamentos, incerteza de cura, tratamentos dolorosos como os contra o câncer. No Recife, eles atuam em quatro hospitais, e marcam presença na cidade há quinze anos, fato comemorado com exposição de fotografias em quatro hospitais onde atuam.

Mas manter essa atuação não é fácil. Doutores da Alegria é  uma organização da sociedade civil sem fins lucrativos que utiliza a arte do palhaço para intervir junto a crianças, adolescentes e outros públicos em hospitais oficiais e ambientes adversos. A ong foi fundada por Wellington Nogueira em 1991. Ou seja, há 27 anos, período em que já realizou nada menos de 1,7 milhão de intervenções junto a crianças hospitalizadas, seus acompanhantes e profissionais de saúde.

“A partir das intervenções em hospitais, Doutores da Alegria amplia canais de diálogos reflexivos com a sociedade, compartilhando o conhecimento produzido através de formação, pesquisa, publicações e manifestações artísticas, contribuindo para a promoção da cultura e da saúde e inspirando políticas públicas”, informam os voluntários.

Mas o trabalho da associação Doutores da Alegria, gratuito para os hospitais, é mantido por doações de empresas e de pessoas físicas, tanto por recursos próprios quanto por recursos advindos por meio das leis de incentivo fiscal. Os recursos das contribuições permitem a continuidade e a expansão das atividades e da estrutura do grupo, a realização de atividades de formação, oficinas e o aprimoramento técnico dos artistas. Quem quiser ajudar o trabalho da associação Doutores da Alegria pode entrar no site www.doutoresdaalegria.org.br e em facebook.com/doutores. Colabore, que a causa é nobre.

Leia também:
Doutores da Alegria contam causos 
Saia de bike com os Doutores da Alegria 
Com  respeito construímos a igualdade
Seja voluntário e salve vidas
Hospital Getúlio Vargas: “A gente trabalha com medo de morrer”

Texto: Letícia Lins/ #OxeRecife
Foto: Alcione Ferreira/ Doutores da Alegria/ Divulgação

Compartilhe

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *