Ecos e brilhos do São João no Ibura

O São João acabou, mas as quadrilhas ainda estão nas ruas. Pelo menos, é o que acontece neste final de semana, no bairro popular do Ibura. Mas precisamente na UR-2, que recebe no sábado e no domingo a Terceira Mostra de Quadrilha Junina – Comunidade Amiga das Tradições Culturais. O evento é promovido pela própria comunidade (que coisa boa!) e tem o apoio da Secretaria de Cultura e da Fundação de Cultura da Cidade do Recife. Ao todo, 16 grupos se apresentarão. E alguns destes chegam com espetáculos tão perfeitos, que merecem transferência para os palcos dos nossos teatros, a exemplo do que ocorreu no ano passado.

A festa se realiza na quadra que pertence às escolas Padre Lebret e Jordão Emerenciano, que fica na Rua Angra dos Reis, S/N. As apresentações começam, sempre, às 18h.  O destaque fica para a Lumiar, grande vencedora da 34ª edição do Concurso de Quadrilhas Juninas Adultas do Recife. A Lumiar levará para a quadra o tema Na Festa de Santo Antônio, Solteira é que não fico, que fala de fé e de festa, de amor e de crenças populares. Ela desfila às 22h30m do domingo. Como a segunda é feriado, o trabalhador pode esperar até tarde, sem medo de perder a hora do serviço, para ver o espetáculo. Sim, porque a Lumiar faz um verdadeiro espetáculo, com direito a coreografia, luzes, cores e … luxo.

Destaque, também, para a Dona Matuta, segunda colocada  na competição adulta de junho. O tema é ótimo e versa sobre a famosa Feira de Caruaru:  De Tudo que Há no Mundo. O grupo se apresenta às 21h55 do domingo. Já a Junina Tradição, terceira colocada no concurso de adultos, apresenta o tema São João em Saruê, inspirado no poema A Viagem ao País de São Saruê, de Manuel Camilo dos Santos. A história contada é sobre um lugar distante e de natureza exuberante, onde não existe pobreza, cenário ideal para uma animada festa de São João. O espetáculo ocorrerá às 22h30 do sábado.

Escolha os grupos cujas apresentações você quer assistir:  No sábado (14) tem: Grupo de Dança Cultural Recifogosa (18h), Quadrilha Infantil Junina Matutinho Dançante (19h), Quadrilha Infantil Junina Sapeca (19h35), Quadrilha Junina Arrocha o Nó (20h10),  Quadrilha Junina Traque (20h45), Quadrilha Junina Mandacaru (21h20), Quadrilha Junina Origem Nordestina (21h55), Quadrilha Junina Tradição (22h30. No domingo (15), apresentam-se os grupos: Banda Culé de Xá (18h), Infantil Junina Brincant’s Show (19h), Infantil Junina Menezes na Roça (19h35), Junina Raio de Sol (20h10), Junina Zé Matuto (20h45),  Junina Matutada (21h20), Junina Dona Matuta (21h55).Por fim, a grande atração da noite: a Junina Lumiar (22h30). O acesso é gratuito. E viva São João.

Leia também:
Solteira é que não fico. Belo espetáculo
Quadrilhas ganham palcos do Recife
Quadrilhas: do arraial ao palco
Chico Science redivivo no palco
A festa e o brilho das quadrilhas
Cinderela invade arraial no Recife

Texto: Letícia Lins/ #OxeRecife
Foto: Andrea Rego Barros/ Divulgação/ PCR

Compartilhe

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.