Conversa com Sidney Nicéas na APL

Mais uma edição do projeto Roda de Conversas movimenta a Academia Pernambucana de Letras no dia 7. O destaque dessa vez é o escritor Sidney Nicéas, autor de cinco romances, e um exemplo de escritor que sabe explorar o potencial de divulgação nas redes sociais. Um dos destaques entre os novos ficcionistas pernambucanos, ele conversará com leitores no  a partir das 15h do sábado, no Auditório Frei Caneca (Biblioteca Waldemar Lopes), da APL.

O livro Noite em Clara conta a história de uma mulher vítima de violência física cuja conseqüência é um trauma que a faz presa a dores e sensações. É uma narrativa fragmentada, lírica, que tem como objetivo passear pela mente da personagem.  Por conta da saga de Clara, o tema da discussão será A literatura e os ecos da violência.  O romance Noite em Clara (editado pela Scortecci, 180 páginas), foi lançado na Bienal Internacional do Livro de São Paulo.

Escritor Sidney Niceas participa de roda de conversa na Academia Pernambucana de Letras, no sábado.

A Presidente da Academia Pernambucana de Letras, Margarida Cantarelli, disse que o debate com Sidney Nicéas cumpre mais um dos objetivos do projeto Roda de Conversas. “Esta iniciativa da Academia se propõe, entre outras coisas, a criar um espaço de debate e convivência de escritores da Academia com outros que estão fora, mas produzem boas e importantes obras. O evento permite uma troca de saberes e integração”. Coordenador do Roda de Conservas, o escritor, jornalista e imortal Cícero Belmar  afirmou que um dos viés do projeto é o relançamento de livros de escritores pernambucanos, a exemplo do de Sidney.

“Muitas vezes os livros de autores pernambucanos são bons, mas depois do lançamento, perdem espaço, ao mesmo tempo que os autores precisam estar com as obras na ordem do dia. Relançando-os, a APL oportuniza um debate sério e profundo sobre o trabalho de criação”, diz. Ele considera que a presença de Sidney Nicéas vai enriquer ainda mais o projeto. “É um escritor que vem se destacando na cena literária de Pernambuco, com forte inserção entre os leitores mais jovens”. Para o premiado escritor Raimundo Carrero, Sidney é uma supresa “pela qualidade lírica do seus textos”, em um momento que o lirismo quase está desaparecendo. Afirma, também, que o escritor tem “obra pronta, definida, com mensagem já resolvida para ser interpretada e amada”.

Leia também:
HQ na Academia Pernambucana de Letras
Canto Virtuoso na Academia de Letras
Carlos Pena, dos “desejos presos” na APL
Cícero Belmar agora é imortal
Cícero Belmar a caminho da Academia
Na rota dos velhos casarões
As torres do barão e Rapunzel

Serviço:
Roda de Conversa com Sidney Nicéas
Tema: A Literatura e os ecos da violência
Quando: sábado, 7, às 15h 
Quanto: gratuito
Onde: Academia Pernambucana de Letras, Av Rui Barbosa, 1596, Graças

Texto: Letícia Lins / #OxeRecife
Fotos: Letícia Lins e Divulgação

Compartilhe

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *