Olha! Recife: rio, ponte e boi “voador”

O Olha! Recife está movimentado nesta semana. Tem passeio de barco pelo Rio Capibaribe, visita a museu e até um boi voador. Sim, um boi voador. Tudo para comemorar o aniversário dos 481 anos do Recife. Como vocês sabem, em 1644, o Conde Maurício de Nassau prometeu fazer um boi voar, para atrair grande multidão à inauguração daquela que seria a maior ponte do Brasil. Nada restou da edificação original de madeira no local da atual Ponte Maurício de Nassau. Mas o pitoresco episódio ficou na História, vai ser lembrado no domingo e faz parte do roteiro do Olha! Recife dessa semana.

“A apresentação irá transformar a Av. Rio Branco em um grande Teatro ao ar livre. Ao longo do dia, uma série de atividades esportivas e culturais, também vai movimentar o Recife Antigo, dentre elas o Olha!Recife a pé que terá como seu roteiro a história do boi voador, a importância desse acontecimento para o desenvolvimento da cidade e um pouco do legado dos holandeses para nossa cidade”, informa a Secretaria de Turismo, Esportes e Lazer do Recife. O boi deve “voar” por volta das 18h.

No sábado, no entanto, tem um dos passeios mais cobiçados pelos fãs do Olha! Recife, o programa de sensibilização turística da Prefeitura.  O percurso será feito de catamarã, percorrendo-se região central do Recife, com visão das ilhas que foram o nosso centro. O percurso inclui região portuária, bairros de São José e Santo Antônio, manguezais, conjuntos arquitetônicos.

Na quarta, a opção ficou pela História do Recife, com visita ao Museu da Cidade do Recife, que fica instalado dentro do Forte de São Tiago das Cinco Pontas, no bairro de São José, bem pertinho do Pátio do Terço, onde o Olha! Recife esteve na última quarta-feira. “É uma ótima oportunidade para conhecer de perto essa antiga estrutura militar que já passou pelas mãos de holandeses e portugueses através de nossa história”, convida a Seturel. É bom se apressar, porque dia de passeio de barco, as vagas voam. As inscrições abrem às nove da manhã da sexta, no site olharecife.com.br.

Olha! Recife no Rio (sábado)
10/03/2018 – 09h
VOLTA À ILHA
Saída: Cais das Cinco Pontas (Bar do Catamarã) – Pedimos a cada participante que leve um quilo de alimento não perecível.
Inscrições a partir de 09/03/2018 às 09h.

Olha! Recife a Pé (Domingo)
11/03/2018 – 14h.
O BOI VOADOR
Saída: Praça do Arsenal da Marinha (Posto de Informações Turísticas) – Pedimos a cada participante que leve um quilo de alimento não perecível.
Inscrições a partir de 09/03/2018 às 09h.

Olha! Recife a pé (Quarta)
14/03/2018 – 14h.
MUSEU DA CIDADE DO RECIFE
Saída: Praça do Arsenal da Marinha (Posto de Informações Turísticas) – Pedimos a cada participante que leve um quilo de alimento não perecível.
Inscrições a partir de 09/03/2018 às 09h.

Leia também:
As vacas do sucesso no Olha! Recife
Cidade assombrada no Olha! Recife
A mulher na paisagem do Recife
Minha tarde no Olha! Recife 

Presença da mulher no Olha! Recife

Texto e foto: Letícia Lins / #OxeRecife

Compartilhe

3 comentários

  1. Olha Recife: frevo e Rio Capibaribe. O metrô 🚊 do Recife se orgulha de poder transportar um recorde de passageiros no dia do Galo 🐓 da Madruga. “ O galo 🐓 vai de metrô 🚊. Vital Alves Brandão autor do projeto: Terminal de Integração Multimodal da Estação. Acredita que o Galo 🐓 vai de barco 🚤 de Apipuco até o Terminal de Integração Multimodal da Estação Recife. Este meu projeto a proveita a infraestruturas da Estação Recife, apenas 80m, da margem do Rio Capibaribe permitindo a integração do metrô 🚊 com o transporte fluvial de passageiros no Rio Capibaribe. Confira este meu projeto premiado na Revista Ferrovia em São 2007. No meu Facebook: Terminal de Integração Multimodal da Estação Recife.

    1. O projeto: Terminal de Integração Multimodal da Estação Recife. Foi premiado no lV prêmio de Tecnologia Metroferroviário em São Paulo -SP 2007. Com meção Honrosa para: Vital Alves Brandão: funcionários públicos concursado da CBTU MetroRec.

      1. Oi, Vital. Entre em contato com o e-mail do #OxeRecife, e me passe seu contato. Obrigada, Leticia Lins

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *