“Batuque charmoso” na Terça Negra

A noite é de cultura afro, no Pátio de São Pedro, onde ocorre edição especial carnaval da Terça-Negra. A Terça-Negra acontece tradicionalmente naquele local, sempre às terças-feiras, reunindo  manifestações culturais com raízes africanas.

As atrações  de hoje são quatro, com destaque para o Batuque Mulher, maracatu comandado e formado por mulheres, que vai aproveitar a festa para gravar um DVD. Como vocês sabem, o Batuque Mulher é comandado por Joana D’ Arc, a única mestra de maracatu em Pernambuco, e que também está à frente do Encanto do Pina. A entrada do Baque Mulher no Pátio está prevista para 22h.

As atrações da Terça-Negra são a Obá Nyjé (banda afro), o afoxé Ilê de Egbá, o Maracatu Baque Mulher ainda o Coco dos Pretos.”Mulheres vestem saias, soltam cabelos e tocam tambor. E outras mulheres tocam agbês, mineiros e gonguês. Todas cantam e dançam a resistência das mulheres, mães, filhas, avós, guerreiras do cotidiano”, afirma o  Maracatu Nação Mulher, nas redes sociais. E depois convoca a população “a prestigiar o baque mais charmoso de Pernambuco”. E conclama: “Vista sua blusa rosa ou laranja e vamos dominar a Terça Negra”

Leia também:
A única mestra do maracatu
A regência coletiva dos maracatus
Terça-feira de afoxés e maracatu

Alfaias no Recife e em Cartagena
Rei e Rainha de Momo sobrem o Morro

Texto: Letícia Lins / #OxeRecife
Foto: Divulgação/PCR

Compartilhe