Horta urbana sai com bloco “Carnahorta”

Responsáveis por uma iniciativa de sucesso ao transformar em horta urbana uma área totalmente degradada e esquecida pelo poder público, moradores de Casa Amarela realizam no local mais uma domingueira, no 28 de janeiro. Só que com direito a bloco de carnaval, o Carnahorta. A concentração e o desfile acontecem no próximo domingo, na Rua Souto Maior, naquele bairro da Zona Norte do Recife. O evento conta com o apoio do Instituto Casa Amarela Saudável e Sustentável (Icass), atualmente em campanha para arrecadação de recursos para concluir a perfuração de um poço que permita irrigar as plantações.

Essa é a terceira edição do Carnahorta, cuja concentração começa ao meio dia do domingo. Às 13h, tem início apresentação do Grupo Samba PE. ÀS 15h, será feito um sorteio de quadro da artista plástica Maria Guedes. Às 16h, desfile do bloco pelas ruas de Casa Amarela. Das 14h às 16h, haverá brincadeiras para crianças, com animação. Durante toda a tarde, os foliões terão praça de alimentação com espetinhos, crepes, açaí, frutas, caldinhos. E também haverá barracas para venda de plantas e artesanato.

Animados com a produção de ervas e hortaliças na área antes tomada pelo lixo, os foliões do Carnahorta divulgaram o hino do bloco, totalmente no clima de verde urbano e comunitário. “Venha, venha ver/ Se você chegar/ Tudo pode acontecer/ Casa Amarela/ Ficou multicolor/ Uma novidade chegou/ Plantar a céu aberto/ Erva, amor e fulô”, diz o refrão.

“Não tem água/ Não tem luz/ Não tem tostão/ Mas tem raça, força e união/ Com tanta colaboração/  Fez mudar esse chão”, diz outro trecho.  O Icass pretendia, ao final da folia (por volta das 18h) inaugurar o poço, mas a festa da água deve ficar para outra ocasião, pois o terreno é bem mais pedregoso do que se imaginava, e muitos empecilhos vêm surgindo desde a perfuração. A “vaquinha” para a  conclusão do poço ainda está no “pasto”, e quem quiser colaborar  pode fazer o depósito em nome do  Icass, Banco do Brasil, Agência 1509-1, conta corrente 10.00.10-1.

Leia também:

Sementes que brotam na Zona Norte
Casa Amarela em campanha pela horta
Festa com samba na horta urbana
Casa Amarela cada vez mais cidadã
Entre a horta urbana e a insegurança
História do Jardim Secreto para crianças
Vaquinha para o Jardim Secreto

Hortas fazem a festa nas escolas

Texto e foto: Letícia Lins / #OxeRecife

Compartilhe

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.