O bode dançarino do Sertão

Como já disse aqui, andei pelo Sertão, no final de semana. E sabe o que vi lá? Um bode dançando. Ele caiu na dança, ao som de Anunciação, de Alceu Valença, em plena praça Monsenhor Alfredo de Arruda Câmara, em frente à Catedral do Bom Jesus dos Remédios, a 398 quilômetros do Recife. Eu já tinha visto o “bode” em um estande da Feira de Empreendedorismo de Afogados de Ingazeira, como mascote da Pajelat,  uma espécie de Parmalat da caatinga, mas que só industrializa leite de cabra.

Acabada a feira, o bode, como vocês podem ver no vídeo abaixo, caiu na folia. Fiquei curiosa sobre a Pajelat. Descobri que é uma cooperativa situada na caatinga, que vende leite de cabra pasteurizado e congelado. Como vocês sabem, o leite de cabra tem propriedades, digamos, poderosas. Dizem os especialistas que é bom para o coração, o estômago, os ossos, combate radicais livres e ainda é o ideal para quem tem intolerância à lactose.

 

Na feira, havia promotores da Pajelat, oferecendo produtos.  A cooperativa foi fundada em 1999. E além do leite de cabra, produz cinco tipos de queijo (coalho, Minas, ricota, petitsuisse e xancliche), além de bebidas lácteas. Não experimentei os produtos, mas me diverti vendo o bode “dançar”. No fim da festa, alguém passou carregando a cabeça/máscara do bode.

E eu fiquei frustrada porque não vi o seu rosto. Não precisa que me digam. Sou curiosa mesmo. Uma vez, no carnaval do Recife. vi durante os quatro dias um casal com máscaras horripilantes. Durante todo o carnaval, usaram macacão branco e as famigeradas máscaras. Na madrugada da quarta-feira, cansados, com calor, eles as retiraram. Eram uma moça e um rapaz, ambos lindos. Em tempo, fui ao Sertão para o lançamento do livro Memórias Afetivas, de Fátima Brasileiro.

Leia também:

“Mexeu com a natureza, mexeu comigo”
O elefante do safári sertanejo
As verdes ruas de Carnaíba
Memórias afetivas de Fátima Brasileiro
Memórias afetivas, “praia do sertão”, rendas, bilros e primeiro amor

Texto, fotos e vídeo : Letícia Lins / #OxeRecife

Compartilhe

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.