O elefante do “safári” sertanejo

Gente, como vocês sabem, o foco do #OxeRecife é o Recife, com suas mazelas, coisas boas, cobertura verde em risco, calçadas perfeitas ou desgastadas e por aí vai. Mas estive no Sertão no final de semana que passou, e encontrei tantas coisas interessantes… Até essa dupla de elefantes, em Afogados de Ingazeira, no meu safári sertanejo.

Não, não era um sáfari na África. Eram dois animais, tamanho natural, construídos em em ferro e muito bem esculpidos. Provavelmente são os mascotes de “Neguinho do Aço”, uma distribuidora de aço e ferro na região. Não sei quem é o “Neguinho do Aço”, mas como disse o motorista que foi conosco deve ser “rochedo” para construir uma dupla de elefantes tão pesada daquela. Os portões da empresa estava fechados, telefonei para obter informações, mas os telefones não atenderam.

Dei uma busca na Internet, e se for a mesma pessoa, o empresário já teve  problemas com a polícia. Mas não é por isso que deixa de ser tão criativo. Como a empresa estava fechada no final de semana,  Por isso não pude saber quantas toneladas de ferro foram utilizadas nos elefantes. Mas resolvi documentar as duas curiosas peças, no meu “safári” sertanejo. Ao longo dessa semana, vou – de vez em quando – trazer informações sobre a viagem, a exemplo do que já fiz com Enoque das Plantas (o homem que ama a natureza e o verde) e Carnaiba (a cidade sertaneja, cujo cuidado com arborização faz inveja ao Recife). Fui ao Sertão, marcar presença na noite de autógrafos de Fátima Brasileiro, que estava lançando o seu delicioso livro “Memórias Afetivas”.

Leia também:

“Mexeu com a natureza, mexeu comigo”
Memórias afetivas, “praia do sertão”, rendas, bilros e primeiro amor
Josildo Sá: forró, frevo e romantismo
As memórias afetivas de Fátima Brasileiro

As verdes ruas de Carnaíba
Nos mistérios e labirintos de Solidão

Texto: Letícia Lins / #OxeRecife

Compartilhe

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.