A felicidade coletiva do Jardim Secreto

O Jardim Secreto não é mais secreto. Felizmente. Não pude comparecer – por conta de um compromisso anterior – mas a julgar pelas conversas do grupo Jardim Secreto no WhatsApp, a festa de domingo à tarde serviu não só para apresentá-lo, mas sobretudo para fortalecer os laços da comunidade não só do Poço da Panela, mas de bairros vizinhos e até mesmo de outros, mais distantes, cujos moradores fizeram questão de comparecer ao encontro à margem do Rio Capibaribe. Como vocês sabem, o Jardim Secreto vem sendo implantado por iniciativa da Associação de Moradores e Amigos do Poço da Panela (Amapp). Eles estão transformado uma área degradada de 3 mil metros quadrados, à beira do Capibaribe. Removido o lixo e implantados canteiros e banquinhos, o sítio vem se transformando em uma agregadora área de convivência. E nela, defende-se não só a natureza, como tornam-se cada vez mais estreitos os laços de amizade entre vizinhos.

Jovens do Projeto Social Orquestrando emocionaram o público ao tocar Asa Branca, no final da tarde, na beira do Rio.

“Estou muito feliz! Hoje foi demais! A coroação de todo o trabalho: a comunidade abraçou e viveu o jardim hoje! Podemos dizer que o Jardim agora só é secreto no nome”, afirma Mário Godoy, um dos integrantes do grupo que está trabalhando na implantação do Jardim. Sobre o Orquestrando (projeto social com música do Poço da Panela), ele afirma que foi uma emoção, ver os meninos tocando “lindas composições na beira do Rio das Capivaras’. Mário enaltece um dos principais objetivos do grupo, que é trabalhar por uma cidade melhor.  “A felicidade das crianças nos estimula a fazer mais, para entregarmos a elas uma cidade mais humana”. Mas emoção, mesmo, foi no final da tarde, já com o sol caindo por trás do rio, quando o Orquestrando executou Asa Branca, com seus violinos. Todo mundo cantou. E muita gente chorou.

Comunidade do Cabocó, que fica do outro lado do Rio  Capibaribe, chega de barco para a festa no Jardim Secreto

Foi “uma tarde feliz, em gestos humanos translúcidos. Chorei silenciosamente em vários momentos, abastado de esperança, e muito, mas muito feliz, por estar perto desse projeto lindo. Agradeço pela acolhida, generosa e comovente”, afirma Lula Terra.  Intervenções  carregadas de boas intenções, como o Jardim Secreto, terminam gerando energia positiva e felicidade coletiva. E isso é bom ou não é? “Foi lindo ver tanta gente feliz reunida. Acho que o Jardim fez seu papel, ocupou seu espaço no coração de todos”, afirma Henrique Santos. “Foi encantador. Parabéns coletivo”.  Cecília Simões é outra que não cabe em si de tanta “felicidade plena”.  E explica: “Para mim, o Jardim que vinha sendo gestado, hoje nasceu. E junto com a chegada da primavera, hoje foi o marco da transmutação da energia desse espaço”.

A criançada se divertiu com contação de histórias no Jardim Secreto: cidadania e educação ambiental na beira do Rio.

Eu  não pude mesmo ir à festa. Mas gostaria de ter ido.  Nada, no entanto, me impede de registrar  os sentimentos positivos que uma iniciativa como esta gera. Viva, pois, o Jardim Secreto. Viva a cidadania. E viva a natureza e os laços fraternos.  E viva o Rio Capibaribe, o nosso castigado Rio das Capivaras.  “Não tenho nem palavras para definir tudo que aconteceu hoje. Foi lindo demais! Fantástico. Meu coração é só felicidade. Vamos em frente”, exulta Raynaia Uchoa.  “A cada dia, o sonho está se tornando realidade, pelo esforço conjunto de todos e de todas”, diz Barbara Kreuzig. Sociedade civil, poder exectivo e legislativo trabalhando juntos”, acrescenta. Maravilha. Tomara que o Jardim Secreto motive outras comunidades a seguir o exemplo de união e força positiva, por um rio mais sadio e um Recife mais limpo, mais florido e mais humano.

Leia também:

História do Jardim Secreto para Crianças
Em busca do Jardim Secreto
Jardim Secreto a todo vapor no Poço da Panela
Mutirão do Jardim Secreto é hoje
Praça renovada no Poço da Panela
Parem de derrubar árvores (53)

Texto: Letícia Lins / #OxeRecife
Fotos:  Do WhatsApp do Grupo Jardim Secreto / Cortesia

Compartilhe

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *