Cinema do Museu já normalizou

Gente, voltou a energia no Cinema do Museu, que funciona na Fundação Joaquim Nabuco, na Avenida Dezessete de Agosto, em Casa Forte, no mesmo prédio do Museu do Homem do Nordeste. Ouu seja,  a programação vespertina deste domingo está mantida, segundo  Coordenadora do Cinema da Fundação, Ana Farache, acaba de informar ao #OxeRecife.

Assim, às 16h10m, será  exibido o elogiado  Como nossos pais, de Laís Bodansky, filme premiadíssimo, e que vem obrigando o público – homens e mulheres – a refletirem sobre a condição feminina. E também sobre a condição da  família, no modelo tradicional. Agora às 14h, está passando Um filme de cinema, que tem a assinatura de Walter Carvalho, um dos grandes nomes do cinema brasileiro.

Basta ter a sua assinatura – como diretor de fotografia ou diretor do filme – eu já estou lá. Sou fã número um de Walter de Carvalho. E o último trabalho que vi dele foi em O filme de minha vida, de Selton Melo, no qual Carvalho responde pela fotografia.  O trabalho do diretor de fotografia é um primor e sem ele, o filme de Selton Melo não teria aquela atmosfera tão plástica, suave e poética. Melo, aliás, está se revelando à atrás das câmeras. Porque O Palhaço, também com sua direção, é muito, mas muito lindo.

Texto e foto: Letícia Lins / #OxeRecife

Compartilhe

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.