O Recife e os porcalhões (1)

No dia 10 de junho, em postagem feita aqui no #OxeRecife, reclamei porque a vacinação de cães e gatos não contou com uma campanha educativa, principalmente para os donos dos caninos. Porque são eles que mais passeiam com seus proprietários e que mais emporcalham praças, ruas e jardins da cidade. Imaginem os números: o Recife possui cerca de 200.100 animais domésticos, dos quais calcula-se que pelo menos 160.000 sejam cães.

E muitos donos destes levam os bichinhos para fazer suas necessidades nas ruas. Na praça onde moro, é só o que eu vejo. Reclamo, para constranger mesmo. Mas as pessoas acham que é normal. Pois no último final de semana de vacinação, a coisa foi ainda pior.  E não foi só porque não houve campanha para conscientizar a população dos riscos das sujeiras descartadas nas ruas.

A Praça de Apipucos virou lixão.  E não foi só de cocô de cachorro. Como sempre recolho a sujeira no local que é alvo de  todos os tipos de decartes (garrafas Pet, latas de refrigerante, quentinhas com restos de comida, plásticos que cobrem botinas de moticiclistas em dias de chuva e também cocô de cachorro) me defrontei com um monte de embalagens que, à distância, pareciam de escovas de dentes. Achei esquisito, mas plenamente possível.

Como tem um quartel na Praça, pensei que tinham distribuído escovas lá, e juntei tudo para jogar no lixo. Pois as embalagens não eram de escovas. Mas sim de seringas utilizadas na vacinação de animais contra a raiva. Juntei tudinho e coloquei em lugar adequado na segunda-feira. Pois ainda hoje restaram alguns, como se vê na foto. Ou seja, campanha de educação ambiental para os donos de cachorros é insuficiente. É preciso, também, para quem se encarrega das vacinas deles. Pelo menos as seringas foram levadas. Espero que tenham tido o destino adequado, ao contrário  do que ocorreu com as embalagens, que eram muitas e me arrependi de não ter documentado a montanha que achei lá, na primeira limpeza.

Leia também:
Vacinação sem campanha educativa
Parque da Macaxeira abre para pets

Texto e foto: Letícia Lins / #OxeRecife

Compartilhe

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *