Petista cobra segurança

O Blog #OxeRecife não se mete em política não. Já tem muita gente fazendo isso. Mas não custa nada fazer o registro dessa fala do Líder da Oposição no Senado, Humberto Costa (PT-PE), sobre a escalada da violência no Estado, problema que afeta a todos nós.  Ele se refere aos números  dos dois primeiros meses de 2017, divulgados essa semana, pela Secretaria de Defesa Social “Foram 977 assassinatos aqui no Estado e o governo continua de braços cruzados. Estamos falando de números semelhantes ao de uma guerra civil como as que acontecem em vários países do mundo”, afirma. “Tivemos um aumento de quase 48% no número de assassinatos registrados em comparação ao mesmo período do ano passado. É uma situação insustentável essa que estamos vivendo”, acrescenta.

O parlamentar lembra do Pacto Pela Vida que levou Pernambuco a se destacar no cenário nacional por causa da queda de homicídios no Estado, em boa parte dos anos da década de 2000. “Foi um programa exitoso e que realmente reduziu o número de assassinatos. Mas foi completamente abandonada pelo governo. Falta coordenação e falta interação com a sociedade civil o que acarreta em uma grande escalada da violência”, diz. Para ele, Pernambuco está vivendo uma “verdadeira quebra de braço” entre o Governo do Estado e as polícias Civil e Militar.

O problema estaria gerando uma grande insatisfação entre aqueles que foram designados para cuidar da segurança. “Vemos um elevado descontentamento da Polícia Militar em relação às suas carreiras, que não estariam de acordo com suas responsabilidades, o que repercute negativamente no combate à violência”, adverte. Segundo sua assessoria, o senador colocou seu mandato à disposição do governador Paulo Câmara para ajudar no que for necessário, mas exigiu ações imediatas para coibir a violência no Estado. “O povo de Pernambuco não aguenta mais conviver com tanta violência”, desabafa Humberto Costa. 

Leia mais:

Violência cresce. E impunidade?

A “guerra civil” de Pernambuco

Secretário não sabe nome de aplicativo contra ladrão.

Texto: Letícia Lins / #OxeRecife

Foto: Divulgação / PT

Compartilhe

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.